Em 1 Samuel 10, vemos a continuidade da conversa entre Samuel e Saul entre os caminhos de Ramá. Aconteceu que ali “Samuel apanhou um jarro de óleo, derramou-o sobre a cabeça de Saul e o beijou, dizendo: O Senhor o ungiu como líder da herança dele”.

Bem ali, no meio do “nada” a vida de Saul foi transformada e a história da monarquia de Israel começa. Como Deus é bom!

Não há alardes, grandes anúncios, seu agir na vida de Saul veio de maneira que ele jamais esperou. Podemos esperar por este tipo de surpresa de Deus (Ver Estudo Bíblico Sobre as Promessas de Deus). A nossa vida está na palma de suas mãos. A qualquer momento tudo pode melhorar e muito.

Samuel dá instruções muito claras a Saul e como confirmação de sua unção de rei, haverá uma série de sinais que deverão se cumprir.

Ao sair dali, Saul já sai transformado, “Deus mudou o coração de Saul, e todos aqueles sinais se cumpriram naquele dia”.

Quando temos um encontro real com a glória de Deus não somos mais os mesmos. Saul foi tão mudado que as pessoas próximas a ele, tiveram dificuldade de reconhece-lo devido a sua mudança de comportamento.

Tendo se cumprido o tempo determinado, Samuel reuniu todo o Israel em Mispá e apresentou a Saul como seu rei. Houve grande alegria e ele já voltou para casa escoltado por alguns guerreiros.

Esboço de 1 Samuel 10:

1 Samuel 10.1 – 8: Saul é ungido rei

1 Samuel 10.9 – 16: O cumprimento dos sinais

1 Samuel 10.17 – 27: Saul é apresentado como rei

1 Samuel 10.1 – 8: Saul é ungido rei

1 Samuel apanhou um jarro de óleo, derramou-o sobre a cabeça de Saul e o beijou, dizendo: O Senhor o ungiu como líder da herança dele.

2 Hoje, quando você partir, encontrará dois homens perto do túmulo de Raquel, em Zelza, na fronteira de Benjamim. Eles lhe dirão: “As jumentas que você foi procurar já foram encontradas. Agora seu pai deixou de se importar com elas e está preocupado com vocês. Ele está perguntando: “Como encontrarei meu filho?”

3 Então, dali, você prosseguirá para o carvalho de Tabor. Três homens virão subindo ao santuário de Deus em Betel, e encontrarão você ali. Um estará levando três cabritos, outro três pães, e outro uma vasilha de couro cheia de vinho.

4 Eles o cumprimentarão e lhe oferecerão dois pães, que você deve aceitar.

5 Depois você irá a Gibeá de Deus, onde há um destacamento filisteu. Ao chegar à cidade, você encontrará um grupo de profetas que virão descendo do altar do monte tocando liras, tamborins, flautas e harpas; e eles estarão profetizando.

6 O Espírito do Senhor se apossará de você, e com eles você profetizará, e será um novo homem.

7 Assim que esses sinais se cumprirem, faça o que achar melhor, pois Deus está com você.

8 “Vá na minha frente até Gilgal. Depois eu irei também, para oferecer holocaustos e sacrifícios de comunhão, mas você deve esperar sete dias, até que eu chegue e lhe diga o que fazer”.

1 Samuel 10.9 – 16: O cumprimento dos sinais

9 Quando se virou para afastar-se de Samuel, Deus mudou o coração de Saul, e todos aqueles sinais se cumpriram naquele dia.

10 Chegando a Gibeá, um grupo veio em sua direção; o Espírito de Deus se apossou dele, e ele profetizou no meio deles.

11 Quando os que já o conheciam viram-no profetizando com os profetas, perguntaram uns aos outros: “O que aconteceu ao filho de Quis? Saul também está entre os profetas?”

12 Um homem daquele lugar respondeu: “E quem é o pai deles?” De modo que isto se tornou um ditado: “Saul também está entre os profetas?”

13 Depois que Saul parou de profetizar, foi para o altar do monte.

14 Então o tio de Saul perguntou a ele e ao seu servo: “Aonde vocês foram?” Ele respondeu: “Procurar as jumentas. Quando, porém, vimos que não seriam encontradas, fomos falar com Samuel”.

15 “O que Samuel lhes disse?”, perguntou o tio.

16 Saul respondeu: “Ele nos garantiu que as jumentas tinham sido encontradas”. Todavia, Saul não contou ao tio o que Samuel tinha dito sobre o reino.

1 Samuel 10.17 – 27: Saul é apresentado como rei

17 Samuel convocou o povo de Israel ao Senhor, em Mispá,

18 e lhes disse: Assim diz o Senhor, o Deus de Israel: “Eu tirei Israel do Egito, e libertei vocês do poder do Egito e de todos os reinos que os oprimiam”.

19 Mas vocês agora rejeitaram o Deus que os salva de todas as suas desgraças e angústias. E disseram: “Não! Escolhe um rei para nós”. Por isso, agora, apresentem-se perante o Senhor, de acordo com as suas tribos e os seus clãs.

20 Tendo Samuel feito todas as tribos de Israel se aproximarem, a de Benjamim foi escolhida.

21 Então fez ir à frente a tribo de Benjamim, clã por clã, e o clã de Matri foi escolhido. Finalmente foi escolhido Saul, filho de Quis. Quando, porém, o procuraram, ele não foi encontrado.

22 Consultaram novamente o Senhor: “Ele já chegou?” E o Senhor disse: “Sim, ele está escondido no meio da bagagem”.

23 Correram e o tiraram de lá. Quando ficou em pé no meio do povo, os mais altos só chegavam aos seus ombros.

24 E Samuel disse a todos: “Vocês veem o homem que o Senhor escolheu? Não há ninguém como ele entre todo o povo”. Então todos gritaram: “Viva o rei!”

25 Samuel expôs ao povo as leis do reino. Ele as escreveu num livro e o pôs perante o Senhor. Depois disso, Samuel mandou o povo de volta para as suas casas.

26 Saul também foi para sua casa em Gibeá, acompanhado por guerreiros, cujo coração Deus tinha tocado.

27 Alguns vadios, porém, disseram: “Como este homem pode nos salvar?” Desprezaram-no e não lhe trouxeram presente algum. Mas Saul ficou calado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here