Bíblia de Estudo Online Diego Nascimento

2 Crônicas 10 Estudo: A Tolice de Roboão

Em 2 Crônicas 10, Esdras nos mostra como começa o reinado de Roboão, filho de Salomão, que reinou após a morte de seu pai e foi antagônico a sua sabedoria. Ao relatar a morte de Salomão no capítulo anterior, Esdras omitiu o relato de seu desvio.

É provável que a tolice de Roboão e seu afastamento de Deus seja uma consequência disso, exatamente.

Os estrangeiros responsáveis pelo trabalho pesado no governo de Salomão, pediram a Roboão seu filho, para aliviar um pouco o fardo deles.

O rei pediu um tempo, e ouviu os experientes conselheiros de seu pai – que lhe aconselharam a ser favorável ao pedido dos trabalhadores, e ouviu também os jovens que cresceram com ele.

Estes lhe aconselharam a tornar o trabalho dos estrangeiros ainda mais pesado. Roboão decidiu ouvi-los e na resposta repetiu as tolas palavras deles:

“Meu pai lhes tornou pesado o jugo; eu o tornarei ainda mais pesado. Meu pai os castigou com simples chicotes; eu os castigarei com chicotes pontiagudos”

Como consequência, houve uma divisão no reino. Judá e Israel se separaram. Dez tribos se rebelaram ao governo de Roboão. Porém, Esdras nos mostra que era propósito de Deus: “esta mudança nos acontecimentos vinha da parte de Deus”.

Muito provavelmente isto aconteceu como forma de juízo ao desvio de Salomão, registrado em 1 Reis 11:

Então o Senhor lhe disse: Já que essa é a sua atitude e você não obedeceu à minha aliança e aos meus decretos, os quais lhe ordenei, certamente lhe tirarei o reino e o darei a um dos seus servos.

No entanto, por amor a Davi, seu pai, não farei isso enquanto você viver. Eu o tirarei da mão do seu filho.

Mas, não tirarei dele o reino inteiro, eu lhe darei uma tribo por amor de Davi, meu servo, e por amor de Jerusalém, a cidade que escolhi. (1 Reis 11.11 – 13)

Ou seja, Deus cumpriu sua promessa a Salomão tanto para abençoar como para aplicar juízo. Enquanto ele foi fiel, houve prosperidade e paz. Quando ele se desviou, houve divisão e guerra.

Precisamos estar atentos a Palavra de Deus, para cumprir seus mandamentos. Não podemos viver rebelados contra à aliança e as promessas. Devemos ser fiéis e obedientes ao nosso Deus. 

Esboço de 2 Crônicas 10:

2 Crônicas 10.1 – 5: O pedido de Jeroboão

2 Crônicas 10.6 – 11: Escolha errada

2 Crônicas 10.12 – 19: A tolice de Roboão

 

2 Crônicas 10.1 – 5: O pedido de Jeroboão

1 Roboão foi a Siquém, onde todos os israelitas tinham se reunido para proclamá-lo rei.

2 Jeroboão, filho de Nebate, tinha fugido do rei Salomão e estava no Egito. Assim que soube da reunião em Siquém, voltou do Egito.

3 E mandaram chamá-lo. Então ele e todo o Israel foram ao encontro de Roboão e disseram:

4 “Teu pai colocou sobre nós um jugo pesado, mas agora diminui o trabalho árduo e este jugo pesado, e nós te serviremos”.

5 Roboão respondeu: “Voltem a mim daqui a três dias”. E o povo foi embora.

2 Crônicas 10.6 – 11: Escolha errada

6 O rei Roboão perguntou às autoridades que haviam servido ao seu pai Salomão durante a vida dele: “Como vocês me aconselham a responder a este povo?”

7 Eles responderam: “Se hoje fores bom para esse povo, se o agradares e lhe deres resposta favorável, eles sempre serão teus servos”.

8 Roboão, contudo, rejeitou o conselho que as autoridades de Israel lhe deram e consultou os jovens que haviam crescido com ele e o estavam servindo.

9 Perguntou-lhes: “Qual é o conselho de vocês? Como devemos responder a este povo que me diz: “Diminui o jugo que teu pai colocou sobre nós”?”

10 Os jovens que haviam crescido com ele responderam: A este povo que te disse: “Teu pai colocou sobre nós um jugo pesado; torna-o mais leve” — dize: “Meu dedo mínimo é mais grosso do que a cintura do meu pai.

11 Pois bem, meu pai lhes impôs um jugo pesado; eu o tornarei ainda mais pesado. Meu pai os castigou com simples chicotes; eu os castigarei com chicotes pontiagudos e”.

2 Crônicas 10.12 – 19: A tolice de Roboão

12 Três dias depois, Jeroboão e todo o povo voltaram a Roboão, segundo a orientação dada pelo rei: “Voltem a mim daqui a três dias”. ­

13 Mas o rei lhes respondeu asperamente. Rejeitando o conselho das autoridades de Israel,

14 seguiu o conselho dos jovens e disse: “Meu pai lhes tornou pesado o jugo; eu o tornarei ainda mais pesado. Meu pai os castigou com simples chicotes; eu os castigarei com chicotes pontiagudos”.

15 E o rei não atendeu o povo, pois esta mudança nos acontecimentos vinha da parte de Deus, para que se cumprisse a palavra que o Senhor havia falado a Jeroboão, filho de Nebate, por meio do silonita Aías.

16 Quando todo o Israel viu que o rei se recusava a ouvi-lo, respondeu ao rei: “Que temos em comum com Davi? Que temos em comum com o filho de Jessé? Para as suas tendas, ó Israel! Cuide da sua própria casa, ó Davi!” E assim os israelitas foram para as suas casas.

17 Quanto, porém, aos israelitas que moravam nas cidades de Judá, Roboão continuou como rei deles.

18 O rei Roboão enviou Adonirão, chefe do trabalho forçado, mas todo o Israel o apedrejou até a morte. O rei, contudo, conseguiu subir em sua carruagem e fugir para Jerusalém.

19 Desta forma Israel se rebelou contra a dinastia de Davi, e assim permanece até hoje.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, e estudante de Teologia. Seu amor por Jesus e pela Bíblia o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
});

O jesuseabiblia.com tem uma nova Política de Privacidade e Cookies Saiba mais.