Bíblia de Estudo Online Diego Nascimento

2 Pedro 2 Estudo: O Juízo de Deus e o Pecado

Em 2 Pedro 2, o apóstolo Pedro alerta o povo de Deus para a presença dos falsos profetas. Eles se introduzem de maneira sorrateira no meio da igreja para disseminar heresias.

De nenhuma forma Deus os deixará impunes. Pelo contrário o Senhor os julgará com rigor, assim como fez no passado com os anjos que pecaram e com Sodoma e Gomorra.

O comportamento dos amam os desejos pecaminosos da carne é seguido por continua depravação, não há temor de Deus. O apóstolo deixa claro que para estes as trevas estão reservadas.

Esboço de 2 Pedro 2:

2 Pedro 2.1 – 3: Falsos profetas

2 Pedro 2.4 – 9: Exemplos do juízo de Deus

2 Pedro 2.10 – 14: Comportamento dos que seguem os desejos da carne

2 Pedro 2.15 – 22: Trevas estão reservadas para os que amam o pecado

 

A Função dos Falsos Profetas

“No passado surgiram falsos profetas no meio do povo, como também surgirão entre vocês falsos mestres. Estes introduzirão secretamente heresias destruidoras, chegando a negar o Soberano que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição. Muitos seguirão os caminhos vergonhosos desses homens e, por causa deles, será difamado o caminho da verdade. (2 Pedro 2:1,2)

No final do capítulo anterior, faz-se menção aos homens santos de Deus, que viveram na época do Antigo Testamento e foram usados como os instrumentos do Espírito Santo, ao escreverem os oráculos sagrados.

Mas no início deste capítulo, ele nos conta que existiram, mesmo naquela época, falsos profetas na igreja junto aos verdadeiros. Em todas as épocas da igreja, e em todas as dispensações, quando Deus envia os verdadeiros profetas, o diabo manda alguns para seduzir e enganar, os falsos profetas no Antigo Testamento, e os falsos cristos, falsos apóstolos e mestres enganadores no Novo.

A ocupação deles é introduzir enganos destruidores, até mesmo heresias abomináveis, assim como a ocupação dos mestres enviados por Deus é mostrar o caminho da verdade, até mesmo o caminho verdadeiro para a vida eterna.

As Heresias

Há heresias abomináveis como também práticas abomináveis; e os falsos mestres são diligentes em difundir esses erros perniciosos.

Heresias abomináveis são em geral introduzidas secretamente, sob o manto e o disfarce da verdade. Aqueles que introduzem heresias destrutivas “…negarão o Senhor que os resgatou”.

Eles rejeitam e se negam a ouvir e aprender do grande mestre enviado por Deus, embora ele seja o único Salvador e Redentor dos homens, que pagou o preço suficiente para redimir todos os pecadores que há no mundo.

Os que introduzem enganos destrutivos sobre outros trazem “…sobre si mesmos repentina (e por isso segura) perdição”. Autodestruidores são destruídos rapidamente; e os que estão tão endurecidos que propagam enganos destrutivos para outros serão certa e repentinamente destruídos, e isso sem escapatória. (Henry, Matthew, Comentário de Atos a Apocalipse)

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, e estudante de Teologia. Seu amor por Jesus e pela Bíblia o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
});