Em 3 João 1, o apóstolo João escreve com o desejo de saudar a Gaio, seu filho na fé e ajudá-lo a resolver as questões na Igreja.

João começa dizendo que deseja que tudo vá bem com Gaio. Ou seja, o cristianismo visa o bem-estar completo do ser humano e não apenas a parte espiritual deste.

O testemunho de Gaio ganha notoriedade porque ele têm acolhido bem aos irmãos, já Diótrefes não. Ele têm falado mal inclusive dos apóstolos e não quer receber ninguém na igreja. João procura resolver isso por meio de sua autoridade em Jesus Cristo.

Por fim, ele faz elogios ao comportamento de Demétrios. Ele ao contrário têm recebido aos irmãos e fortalecido o corpo de Jesus Cristo, a igreja de forma bastante piedosa.

Esboço de 3 João 1:

3 João 1.1 – 4: Saudação

3 João 1.5 – 8: O testemunho de Gaio

3 João 1.9 – 11: O problema com Diótrefes

3 João 1.12 – 15: Elogios a Demétrio

 

Menção de Honra

“Quanto a Demétrio, todos dão bom testemunho dele, inclusive a própria verdade. Nós também damos, e você sabe que o nosso testemunho é verdadeiro. Tenho muito que lhe escrever, mas não desejo fazê-lo com pena e tinta. Espero vê-lo em breve, e então conversaremos face a face”. (3 João 1.12 – 14)

A saudação pública enviada a Gaio: “Os amigos te saúdam”. Um amigo na propagação do evangelho merece uma lembrança comum. E essas pessoas piedosas mostram sua afeição pelo evangelho bem como por Gaio.

A saudação especial do apóstolo aos cristãos da igreja de Gaio e adjacências: “Saúda os amigos pelos seus nomes”. Acredito que não havia muitos que eram saudados de uma maneira tão pessoal.

Mas devemos aprender a ser humildes e amorosos. O mais humilde na igreja de Cristo deveria ser saudado. E aqueles que esperam morar juntos no céu deveriam saudar uns aos outros na terra. E o apóstolo que se reclinou no seio de Cristo colocava os amigos de Cristo em seu coração.  (Henry, Matthew, Comentário de Atos a Apocalipse)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here