marca_final-01

Efésios 4 Estudo: Unidade e Atuação do Espírito

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Em Efésios 4, Paulo fala sobre como os cristãos devem proceder em Cristo. Eles devem ser promotores da paz, da união e não o contrário. Devemos ser influenciados pelo Espírito Santo, precisamos ser dirigidos por seu amor.

O Senhor Jesus distribuiu dons e talentos na igreja de forma que cada cristão seja útil para o crescimento do corpo da Igreja e do Reino de Deus.

Não podemos viver na prática do pecado. Precisamos nos despir do velho homem e de todos os seus vícios. O pecado entristece ao Espírito de Deus, se quisermos ter um bom relacionamento com Ele, precisamos respeitá-lo.

Esboço de Efésios 4:

4.1 – 7: A unidade do Espírito e o vínculo da paz

4.8 – 16: A obra do ministério e o corpo de Cristo

4.17 – 21: Não podemos viver na prática do pecado

4.22 – 32: O velho homem e o novo homem

Efésios 4.1 – 7: A unidade do Espírito e o vínculo da paz

1 Como prisioneiro no Senhor, rogo-lhes que vivam de maneira digna da vocação que receberam.

2 Sejam completamente humildes e dóceis, e sejam pacientes, suportando uns aos outros com amor.

3 Façam todo o esforço para conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz.

4 Há um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para a qual vocês foram chamados é uma só;

5 há um só Senhor, uma só fé, um só batismo,

6 um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, por meio de todos e em todos.

7 E a cada um de nós foi concedida a graça, conforme a medida repartida por Cristo.

Efésios 4.8 – 16: A obra do ministério e o corpo de Cristo

8 Por isso é que foi dito: “Quando ele subiu em triunfo às alturas, levou cativos muitos prisioneiros, e deu dons aos homens”.

9 (Que significa “ele subiu”, senão que também havia descido às profundezas da terra?

10 Aquele que desceu é o mesmo que subiu acima de todos os céus, a fim de encher todas as coisas.)

11 E ele designou alguns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres,

12 com o fim de preparar os santos para a obra do ministério, para que o corpo de Cristo seja edificado,

13 até que todos alcancemos a unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, e cheguemos à maturidade, atingindo a medida da plenitude de Cristo.

14 O propósito é que não sejamos mais como crianças, levados de um lado para outro pelas ondas, nem jogados para cá e para lá por todo vento de doutrina e pela astúcia e esperteza de homens que induzem ao erro.

15 Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo.

16 Dele todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função.

Efésios 4.17 – 21: Não podemos viver na prática do pecado

17 Assim, eu lhes digo, e no Senhor insisto, que não vivam mais como os gentios, que vivem na inutilidade dos seus pensamentos.

18 Eles estão obscurecidos no entendimento e separados da vida de Deus por causa da ignorância em que estão, devido ao endurecimento do seu coração.

19 Tendo perdido toda a sensibilidade, eles se entregaram à depravação, cometendo com avidez toda espécie de impureza.

20 Todavia, não foi isso que vocês aprenderam de Cristo.

21 De fato, vocês ouviram falar dele, e nele foram ensinados de acordo com a verdade que está em Jesus.

Efésios 4.22 – 32: O velho homem e o novo homem

22 Quanto à antiga maneira de viver, vocês foram ensinados a despir-se do velho homem, que se corrompe por desejos enganosos,

23 a serem renovados no modo de pensar e

24 a revestir-se do novo homem, criado para ser semelhante a Deus em justiça e em santidade provenientes da verdade.

25 Portanto, cada um de vocês deve abandonar a mentira e falar a verdade ao seu próximo, pois todos somos membros de um mesmo corpo.

26 “Quando vocês ficarem irados, não pequem”. Apazigúem a sua ira antes que o sol se ponha,

27 e não dêem lugar ao Diabo.

28 O que furtava não furte mais; antes trabalhe, fazendo algo de útil com as mãos, para que tenha o que repartir com quem estiver em necessidade.

29 Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem.

30 Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção.

31 Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade.

32 Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus os perdoou em Cristo.

5 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jesus e a Bíblia © 2020. Todos os direitos reservados.

});