Êxodo - Bíblia de Estudo Online

O livro de Êxodo começa onde o livro de Gênesis encerra, com a mudança dos filhos de Israel para o Egito. A narrativa começa, nos mostrando que tanto José, como seus filhos e irmãos morreram, e a lembrança de seus bons serviços na nação se perderam com o tempo.

O Faraó que está no governo da nação percebe o rápido crescimento dos israelitas e começa a oprimi-los com escravidão e decretos absurdos.

Deus se lembra da aliança com Abraão, Isaque e Jacó, e então decide que chegou a hora de tirar o Seu povo daquele lugar.

Israel No Egito

Do capítulo 1 a 4, temos então o relato do sofrimento do povo, o nascimento de Moisés, sua fuga para Midiã e sua vocação no Sinai.

A partir do capítulo 5 até o 12, vemos os confrontos entre Deus e Faraó. Por meio de severas pragas o Senhor se revela ao rei do Egito e arrasa a nação, que se recusa a deixar os filhos de Israel partirem.

Peregrinos

Da capítulo 12 ao 18, vemos que após a travessia do Mar Vermelho, os israelitas ficaram confusos, perturbados e insatisfeitos, mesmo diante do cuidado generoso do Senhor.

O Monte Sinai

Dos capítulos 19 ao 40 eles chegaram no Sinai onde o Senhor lhes deu os Dez Mandamentos e outras Leis que serviriam para o bom desenvolvimento da nação e também, para garantir o bom relacionamento com o Senhor.

Em nenhum outro livro da Bíblia, a manifestação do poder de Deus é tão nítida quanto em Êxodo. Aqui temos um vislumbre de quão poderoso é o nosso Deus e que de fato, não há nada impossível para Ele.

Capítulos de Êxodo:

Capítulo 1: Oprimidos No Egito

Capítulo 2: O Nascimento de Moisés

Capítulo 3: Moisés e a Sarça Ardente

Capítulo 4: Deus Dá Poder a Moisés

Capítulo 5: Faraó Desafia o Senhor Deus

Capítulo 6: Promessa de Libertação

Capítulo 7: A Vara de Moisés e as Serpentes

Capítulo 8: A Praga das Rãs, Piolhos e Moscas

Capítulo 9: A Praga Sobre o Gado, Úlceras e Granizo

Capítulo 10: A Praga dos Gafanhotos e da Escuridão

Capítulo 11: Um Grande Clamor

Capítulo 12: A Saída de Israel do Egito

Capítulo 13: Coluna de Nuvem e Coluna de Fogo

Capítulo 14: A Abertura do Mar Vermelho

Capítulo 15: O Cântico dos Israelitas

Capítulo 16: Deus Envia o Maná

Capítulo 17: Os Israelitas Reclamam Pela Falta de Água

Capítulo 18: O Conselho de Jetro a Moisés

Capítulo 19: Deus Aparece no Monte Sinai

Capítulo 20: Os Dez Mandamentos

Capítulo 21: Leis Acerca dos Escravos, Violência e Acidentes

Capítulo 22: Leis Acerca da Propriedade e Responsabilidade

Capítulo 23: As Festas Sagradas

Capítulo 24: Deus Se Manifesta aos Líderes

Capítulo 25: Instruções Para Construção do Tabernáculo

Capítulo 26: O Véu do Tabernáculo

Capítulo 27: A Tenda do Encontro

Capítulo 28: A Função dos Sacerdotes

Capítulo 29: Sacrifício Contínuo

Capítulo 30: O Dia da Expiação

Capítulo 31: Bezalel e Aoliabe

Capítulo 32: O Bezerro de Ouro

Capítulo 33: Moisés e a Glória de Deus

Capítulo 34: O Rosto de Moisés Resplandece

Capítulo 35: A Liberalidade do Povo Para o Tabernáculo

Capítulo 36: A Voluntariedade do Povo

Capítulo 37: A Construção da Arca

Capítulo 38: Relação do Material Utilizado

Capítulo 39: Moisés Inspeciona a Obra

Capítulo 40: O Tabernáculo é Armado

2 COMENTÁRIOS

  1. Graça e paz da parte de Deus nosso Pai e de Jesus Cristo nosso Salvador!
    Bom dia!

    quero expressar minha gratidão ao Pastor Diego, que com muita maestria ministrou estes estudos sobre os livros da Bíblia.

    uma benção!!!

    Muito grato!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here