Filemon - Bíblia de Estudo Online

A ocasião para escrever é quase idêntica à história da epístola em si. Onésimo, escravo de Filemom, fugira, tendo evidentemente roubado o seu senhor (Fil. 18). Suas viagens o trouxeram de alguma forma para Roma, onde, na providência de Deus, ele entrou em contato com Paulo.

Através desse contato, Paulo levou Onésimo para conhecer o Salvador. Então Onésimo de alguma maneira se tornou útil para Paulo (vv. 12-13).

Mas Paulo percebeu que Onésimo tinha uma responsabilidade para com Filemom e deveria fazer a restituição por seu roubo. Assim Paulo considerou certo retorná-lo a Onésimo.

Foi dado a Tíquico a responsabilidade de levar a carta de Paulo de Roma para os Colossenses, e Onésimo, evidentemente, viajou de volta com ele (Colossenses 4:7-9).

Nesta carta a Filemom, Paulo explicou sua situação e pediu a Filemom que tratasse Onésimo não como um escravo fugitivo e ladrão, mas agora como um amado irmão em Cristo (Fil. 15–16; cf. Colossenses 4:9).

Ao fazê-lo, o apóstolo deu não apenas algumas idéias sobre a instituição da escravidão na Era Apostólica, mas também sua resposta cristã a ela. A realidade de Gálatas 3:28 torna-se evidente aqui em Filemom: “Não há nem escravo nem livre em Cristo Jesus”. Paulo também deu uma brilhante aparição da verdade do evangelho com as palavras: “Arrependam-se disso”.

Capítulo

Capítulo 1: Paulo Intercede por Onésimo

 

Referências:
Deibler, E. C. (1985). Philemon. Em J. F. Walvoord & R. B. Zuck (Orgs.), O Comentário do Conhecimento da Bíblia: Uma Exposição das Escrituras (Vol. 2, p. 768-770). Wheaton, IL: Victor Books.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here