Filipenses - Bíblia de Estudo Online

Em filipenses 4, Paulo exorta os moradores de Filipos a alegrar-se no Senhor Jesus Cristo e a perseverar em  oração. Mais uma vez os estimula a unidade e fala sobre como aprendeu a viver todas as situações da vida, tendo muito ou pouco. Por fim, ele os agradece por sua generosidade nas ofertas e roga a Deus que os abençoe.

Esboço de Filipenses 4:

4. 1 – 9: Unidade e alegria em oração;

4. 10 – 13: A satisfação de viver em Jesus Cristo;

4. 14 – 19: Paulo é grato à Igreja em Filipos;

4. 20 – 23: Oração final e bênção

 

Filipenses 4. 1 – 9: Unidade e alegria em oração

Aos filipenses, o apóstolo Paulo dá a “receita” de uma Igreja vitoriosa: a unidade. Ele os estimula continuamente a viverem em comunhão e procura tratar de forma amorosa e espiritual cada foco de contenda.

A alegria deve ser algo notável entre os cristãos, a despeito de qualquer situação. Todos que nos cercam devem perceber nosso prazer de viver a vida me Jesus Cristo.

Nossa mente deve ser ocupada, preenchida, transbordante de pensamentos do alto. Além disso, os cristãos têm o dever de não apenas aprender mais, sobretudo devem colocar em prática o que já se sabe.

Filipenses 4. 10 – 23: A satisfação de viver em Jesus Cristo

Paulo não era um interesseiro. O Senhor Jesus o ensinou, através das circunstâncias da vida a ser satisfeito com a provisão de Deus. Isso o capacitou a ser uma pessoa satisfeita em toda e qualquer circunstância.

Ao final, ele crava com uma das declarações mais poderosas da Palavra de Deus: “Tudo posso naquele que me fortalece”.

O Espírito Santo o convence de que ele é capaz de suportar e vencer qualquer dificuldade, porque Cristo é o seu ajudador.

Continue lendo: Tudo Posso Naquele Que Me Fortalece

Filipenses 4. 14 – 19: Paulo é grato à Igreja em Filipos

Neste trecho, Paulo expressa sua gratidão a generosidade dos filipenses em relação às ofertas enviadas. Elas foram de grande ajuda ao ministério do apóstolo.

Precisamos reconhecer as pessoas que nos servem no Evangelho de maneira genuína e sincera. Devemos honrá-los com ofertas que supra suas necessidades e os ajude a continuar pregando o Evangelho.

Paulo ora, para que Deus supra as necessidades de seus mantenedores assim como eles foram usados para suprir as suas.

11 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here