Filipenses - Bíblia de Estudo Online

Em filipenses 4, Paulo exorta os moradores de Filipos a alegrar-se no Senhor Jesus Cristo e a perseverar em  oração. Mais uma vez os estimula a unidade e fala sobre como aprendeu a viver todas as situações da vida, tendo muito ou pouco. Por fim, ele os agradece por sua generosidade nas ofertas e roga a Deus que os abençoe.

Esboço de Filipenses 4:

4. 1 – 9: Unidade e alegria em oração;

4. 10 – 13: A satisfação de viver em Jesus Cristo;

4. 14 – 19: Paulo é grato à Igreja em Filipos;

4. 20 – 23: Oração final e bênção

 

Filipenses 4. 1 – 9: Unidade e alegria em oração

Aos filipenses, o apóstolo Paulo dá a “receita” de uma Igreja vitoriosa: a unidade. Ele os estimula continuamente a viverem em comunhão e procura tratar de forma amorosa e espiritual cada foco de contenda.

A alegria deve ser algo notável entre os cristãos, a despeito de qualquer situação. Todos que nos cercam devem perceber nosso prazer de viver a vida me Jesus Cristo.

Nossa mente deve ser ocupada, preenchida, transbordante de pensamentos do alto. Além disso, os cristãos têm o dever de não apenas aprender mais, sobretudo devem colocar em prática o que já se sabe.

Filipenses 4. 10 – 23: A satisfação de viver em Jesus Cristo

Paulo não era um interesseiro. O Senhor Jesus o ensinou, através das circunstâncias da vida a ser satisfeito com a provisão de Deus. Isso o capacitou a ser uma pessoa satisfeita em toda e qualquer circunstância.

Ao final, ele crava com uma das declarações mais poderosas da Palavra de Deus: “Tudo posso naquele que me fortalece”.

O Espírito Santo o convence de que ele é capaz de suportar e vencer qualquer dificuldade, porque Cristo é o seu ajudador.

Continue lendo: Tudo Posso Naquele Que Me Fortalece

Filipenses 4. 14 – 19: Paulo é grato à Igreja em Filipos

Neste trecho, Paulo expressa sua gratidão a generosidade dos filipenses em relação às ofertas enviadas. Elas foram de grande ajuda ao ministério do apóstolo.

Precisamos reconhecer as pessoas que nos servem no Evangelho de maneira genuína e sincera. Devemos honrá-los com ofertas que supra suas necessidades e os ajude a continuar pregando o Evangelho.

Paulo ora, para que Deus supra as necessidades de seus mantenedores assim como eles foram usados para suprir as suas.

9 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here