Em Jeremias 10, o Senhor Deus fala sobre um dos assuntos que mais lhe deixa irritado: idolatria e imagens de escultura. Ele deixa bem claro que imagens de escultura são uma fraude, não passam de engano. São fruto da mente humana e sua estrutura é o natural.

Ao contrário disso, o Senhor nosso Deus é incomparável. Não há ninguém como Ele. Ele é antes de todas as coisas e criador de tudo o que conhecemos. A Sua voz, poder, Palavra, enfim. Não há palavras suficientes para descrevê-lo.

Esboço de Jeremias 10:

Jeremias 10.1 – 5: A inutilidade dos ídolos

Jeremias 10.6 – 13: Ninguém é como Deus

Jeremias 10.14 – 16: Imagens de escultura são fraude

Jeremias 10.17 – 21: Os líderes são insensatos

Jeremias 10.22 – Uma grande agitação

 

Jeremias 10.1 – 5: A inutilidade dos ídolos

1 Ouçam o que o Senhor diz a vocês, ó comunidade de Israel!

2 Assim diz o Senhor: Não aprendam as práticas das nações nem se assustem com os sinais no céu, embora as nações se assustem com eles.

3 Os costumes religiosos das nações são inúteis: corta-se uma árvore da floresta, um artesão a modela com seu formão;

4 enfeitam-na com prata e ouro, prendendo tudo com martelo e pregos para que não balance.

5 Como um espantalho numa plantação de pepinos, os ídolos são incapazes de falar, e têm que ser transportados porque não conseguem andar. Não tenham medo deles, pois não podem fazer nem mal nem bem.

Jeremias 10.6 – 13: Ninguém é como Deus

6 Não há absolutamente ninguém comparável a ti, ó Senhor; tu és grande, e grande é o poder do teu nome.

7 Quem não te temerá, ó rei das nações? Esse temor te é devido. Entre todos os sábios das nações e entre todos os seus reinos não há absolutamente ninguém comparável a ti.

8 São todos insensatos e tolos; querem ser ensinados por ídolos inúteis. Os deuses deles não passam de madeira.

9 Prata batida é trazida de Társis, e ouro, de Ufaz. A obra do artesão e do ourives é vestida de azul e de púrpura; tudo não passa de obra de hábeis artesãos.

10 Mas o Senhor é o Deus verdadeiro; ele é o Deus vivo; o rei eterno. Quando ele se ira, a terra treme; as nações não podem suportar o seu furor.

11 “Digam-lhes isto: Estes deuses, que não fizeram nem os céus nem a terra, desaparecerão da terra e de debaixo dos céus”.

12 Mas foi Deus quem fez a terra com o seu poder, firmou o mundo com a sua sabedoria e estendeu os céus com o seu entendimento.

13 Ao som do seu trovão, as águas no céu rugem, e formam-se nuvens desde os confins da terra. Ele faz os relâmpagos para a chuva e dos seus depósitos faz sair o vento.

Jeremias 10.14 – 16: Imagens de escultura são fraude

14 Esses homens todos são estúpidos e ignorantes; cada ourives é envergonhado pela imagem que esculpiu. Suas imagens esculpidas são uma fraude, elas não têm fôlego de vida.

15 São inúteis, são objetos de zombaria. Quando vier o julgamento delas, perecerão.

16 Aquele que é a porção de Jacó nem se compara a essas imagens, pois ele é quem forma todas as coisas, e Israel é a tribo de sua propriedade, Senhor dos Exércitos é o seu nome.

Jeremias 10.17 – 21: Os líderes são insensatos

17 Ajunte os seus pertences para deixar a terra, você que vive sitiada.

18 Porque assim diz o Senhor: “Desta vez lançarei fora os que vivem nesta terra. Trarei aflição sobre eles, e serão capturados”.

19 Ai de mim! Estou ferido! O meu ferimento é incurável! Apesar disso eu dizia: Esta é a minha enfermidade e tenho que suportá-la.

20 A minha tenda foi destruída; todas as cordas da minha tenda estão arrebentadas. Os meus filhos me deixaram e já não existem; não restou ninguém para armar a minha tenda e montar o meu abrigo.

21 Os líderes do povo são insensatos e não consultam o Senhor; por isso não prosperam e todo o seu rebanho está disperso.

Jeremias 10.22 – Uma grande agitação

22 Escutem! Estão chegando notícias: uma grande agitação vem do norte! As cidades de Judá serão arrasadas e transformadas em morada de chacais.

23 Eu sei, Senhor, que não está nas mãos do homem o seu futuro; não compete ao homem dirigir os seus passos.

24 Corrige-me, Senhor, mas somente com justiça, não com ira, para que não me reduzas a nada.

25 Derrama a tua ira sobre as nações que não te conhecem, sobre os povos que não invocam o teu nome; pois eles devoraram Jacó, devoraram-no completamente e destruíram a sua terra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here