Início Bíblia de Estudo Online Jó 5 Estudo: Não Sofremos à Toa

Jó 5 Estudo: Não Sofremos à Toa

Jó - Bíblia de Estudo Online

Em Jó 5, vemos a continuação do discurso de Elifaz. No capítulo anterior, para a sustentação da sua acusação contra Jó, ele havia garantido que recebera uma palavra do céu, que lhe fora enviada em uma visão.

Neste capítulo, ele apela para aqueles que prestaram testemunho na terra, aos santos, testemunhas fiéis da verdade de Deus em todas as épocas (v. 1).

Eles testemunharão que o pecado dos pecadores é a sua destruição, (v.v. 2-5). Que, além disso, a aflição é o destino comum da humanidade (v.v. 6,7). Que quando estamos aflitos é sensato e nosso dever recorrer a Deus, pois Ele pode e está pronto a ajudar-nos (v.v. 8-16).

Que as aflições que são satisfatoriamente suportadas terminarão bem; e particularmente Jó, se tivesse mantido a calma, poderia assegurar-se de que Deus tinha uma grande misericórdia reservada para ele (v.v. 17-27).

Desta forma Elifaz conclui a sua dissertação, com uma disposição melhor do que quando a iniciou(Henry, Matthew, Comentário dos Livros Poéticos)

Esboço de Jó 5:

Jó 5.1 – 5: As consequências do ressentimento

Jó 5.6 – 16: Não sofremos à toa

Jó 5.17 – 27: Não despreze a disciplina

 

Jó 5.1 – 5: As consequências do ressentimento

1 Clame, se quiser, mas quem o ouvirá? Para qual dos seres celestes você se voltará?

2 O ressentimento mata o insensato, e a inveja destrói o tolo.

3 Eu mesmo já vi um insensato lançar raízes, mas de repente a sua casa foi amaldiçoada.

4 Seus filhos longe estão de desfrutar segurança, maltratados nos tribunais, não há quem os defenda.

5 Os famintos devoram a sua colheita, tirando-a até do meio dos espinhos, e os sedentos sugam a sua riqueza.

Jó 5.6 – 16: Não sofremos à toa

6 Pois o sofrimento não brota do pó, e as dificuldades não nascem do chão.

7 No entanto, o homem nasce para as dificuldades tão certamente como as fagulhas voam para cima.

8 Mas, se fosse comigo, eu apelaria para Deus; apresentaria a ele a minha causa.

9 Ele realiza maravilhas insondáveis, milagres que não se pode contar.

10 Derrama chuva sobre a terra, e envia água sobre os campos.

11 Os humildes, ele os exalta, e traz os que pranteiam a um lugar de segurança.

12 Ele frustra os planos dos astutos, para que fracassem as mãos deles.

13 Apanha os sábios na astúcia deles, e as maquinações dos astutos são malogradas por sua precipitação.

14 As trevas vêm sobre eles em pleno dia; ao meio-dia eles tateiam como se fosse noite.

15 Ele salva o oprimido da espada que trazem na boca; salva-o das garras dos poderosos.

16 Por isso os pobres têm esperança, e a injustiça cala a própria boca.

Jó 5.17 – 27: Não despreze a disciplina

17 Como é feliz o homem a quem Deus corrige; portanto, não despreze a disciplina do Todo-poderoso.

18 Pois ele fere, mas trata do ferido; ele machuca, mas suas mãos também curam.

19 De seis desgraças ele o livrará; em sete delas você nada sofrerá.

20 Na fome ele o livrará da morte, e na guerra o livrará do golpe da espada.

21 Você será protegido do açoite da língua, e não precisará ter medo quando a destruição chegar.

22 Você rirá da destruição e da fome, e não precisará temer as feras da terra.

23 Pois fará aliança com as pedras do campo, e os animais selvagens estarão em paz com você.

24 Você saberá que a sua tenda é segura; contará os bens da sua morada e de nada achará falta.

25 Você saberá que os seus filhos serão muitos, e que os seus descendentes serão como a relva da terra.

26 Você irá para a sepultura em pleno vigor, como um feixe recolhido no devido tempo.

27 “Verificamos isso e vimos que é verdade. Portanto, ouça e aplique isso à sua vida”.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here