Levítico 3 Estudo: A Lei do Sacrifício Pacífico

As palavras hebraicas traduzidas na NVI como “oferta de comunhão” (zeḇaḥ šelāmîm) tem sido tradicionalmente traduzida como “oferta de paz”. G.J. Wenham diz que a tradução “comunhão” é “simplesmente um palpite baseado na natureza da distribuição [refeição comunitária] depois do sacrifício” (O Livro de Levítico, p. 76) e prefere a tradução tradicional da oferta de paz (Levítico 3).

Desde que o conceito hebraico de paz inclui saúde, prosperidade e paz com Deus, R.K. Harrison apropriadamente traduz “um sacrifício de bem-estar”. Talvez uma combinação de ambas as idéias, “bem-estar” (do significado da palavra) e “comunhão” (a partir da característica distintiva da refeição comunitária após o sacrifício), identifica o significado mais completo desta oferta.

A lei da oferta de comunhão (cf. Lv 7:11-36) é a terceira das chamadas “ofertas aromáticas agradáveis”. Faz paralelo ao oferecimento de queima não apenas na seleção de vítimas de sacrifício (exceto pela exclusão de aves, a inclusão de animais fêmeas e a permissão de um membro deformado no caso de uma oferta de livre arbítrio), mas também na maior parte de o procedimento ritual.

Embora nenhuma menção seja feita à oferta de comunhão fazendo expiação, isso pode estar implícito na imposição normal de uma mão, a morte do animal, a manipulação do sangue (cf. 17:11), e a incineração da gordura partes do altar (virtualmente idênticas ao ritual da oferta pelo pecado, que é o sacrifício expiatório mais explícito).

Esboço de Levítico 3:

3.1 – 5: A lei do sacrifício pacífico

3.6 – 11: Sacrifício de comunhão

3.12 – 17: Se a oferta for um cabrito 

 

Levítico 3.1 – 5: A lei do sacrifício pacífico

1 Quando a oferta de alguém for sacrifício de comunhão, assim se fará: se oferecer um animal do gado, seja macho ou fêmea, apresentará ao Senhor um animal sem defeito.

2 Porá a mão sobre a cabeça do animal, que será morto à entrada da Tenda do Encontro. Os descendentes de Arão, os sacerdotes, derramarão o sangue nos lados do altar.

3 Desse sacrifício de comunhão, oferta preparada no fogo, ele trará ao Senhor toda a gordura que cobre as vísceras e está ligada a elas,

4 os dois rins com a gordura que os cobre e que está perto dos lombos, e o lóbulo do fígado, que ele removerá junto com os rins.

5 Os descendentes de Arão queimarão tudo isso em cima do holocausto que está sobre a lenha acesa no altar como oferta preparada no fogo, de aroma agradável ao Senhor.

Levítico 3.6 – 11: Sacrifício de comunhão

6 Se oferecer um animal do rebanho como sacrifício de comunhão ao Senhor, trará um macho ou uma fêmea sem defeito.

7 Se oferecer um cordeiro, ele o apresentará ao Senhor.

8 Porá a mão sobre a cabeça do animal, que será morto diante da Tenda do Encontro. Então os descendentes de Arão derramarão o sangue nos lados do altar.

9 Desse sacrifício de comunhão, oferta preparada no fogo, ele trará ao Senhora gordura, tanto a da cauda gorda cortada rente à espinha, como toda a gordura que cobre as vísceras e está ligada a elas,

10 os dois rins com a gordura que os cobre e que está perto dos lombos, e o lóbulo do fígado, que ele removerá junto com os rins.

11 O sacerdote os queimará no altar como alimento oferecido ao Senhor, preparado no fogo.

Levítico 3.12 – 17: Se a oferta for um cabrito

12 Se a sua oferta for um cabrito, ele o apresentará ao Senhor.

13 Porá a mão sobre a cabeça do animal, que será morto diante da Tenda do Encontro. Então os descendentes de Arão derramarão o sangue nos lados do altar.

14 Desse animal, que é uma oferta preparada no fogo, trará ao Senhor a gordura que cobre as vísceras e está ligada a elas,

15 os dois rins com a gordura que os cobre e que está perto dos lombos, e o lóbulo do fígado, que ele removerá junto com os rins.

16 O sacerdote os queimará no altar como alimento, como oferta preparada no fogo, de aroma agradável. Toda a gordura será do Senhor.

17 “Este é um decreto perpétuo para as suas gerações, onde quer que vivam: Não comam gordura alguma, nem sangue algum”.

 

Referências:

Lindsey, F. D. (1985). Leviticus. In J. F. Walvoord & R. B. Zuck (Orgs.), The Bible Knowledge Commentary: An Exposition of the Scriptures (Vol. 1, p. 177–178). Wheaton, IL: Victor Books.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here