Bíblia de Estudo Online Diego Nascimento

Marcos 4 Estudo: Jesus Ensina por Parábolas

Em Marcos 4, Jesus começa contando a parábola do semeador. É um ensino poderoso e expõe os princípios espirituais da pregação do Evangelho.

A semente e o semeador são os mesmos a prosperidade de cada semente está diretamente ligada a terra em que são cultivadas.

Jesus deixa claro para os seus discípulos que não há nada que esteja oculto que um dia não venha a ser revelado, ou seja o Deus de justiça esclarecerá todas as coisas.

Por fim, Jesus compara o Reino de Deus a uma semente. Ele declara que ele irá crescer, frutificar e muitos virão de todas as partes abrigar-se debaixo de sua sombra.

Marcos encerra dizendo que tudo o que Cristo ensinava era por meio de parábolas, fazia isto para que o povo pudesse compreendê-lo.

Esboço de Marcos 4:

Marcos 4.1 – 9: A parábola do semeador

Marcos 4.10 – 20: Jesus explica a parábola do semeador

Marcos 4.21 – 25: Tudo será revelado

Marcos 4.26 – 29: O Reino de Deus é como uma semente

Marcos 4.33,34: O ensino de Jesus é por parábolas

Marcos 4.35 – 41: Jesus Cristo acalma a tempestade

 

O Progresso do Evangelho

“E com muitas parábolas tais lhes dirigia a palavra, segundo o que podiam compreender. E sem parábolas nunca lhes falava; porém, tudo declarava em particular aos seus discípulos”. (Marcos 4.33,34)

Que aqueles que são bons devem considerar as obrigações a que estão submetidos, para fazer o bem; isto é, como na parábola anterior, produzir frutos.

Deus espera um retorno agradável dos seus dons concedidos a nós, e um aproveitamento útil dos seus dons em nós; pois (v. 21): “Vem, porventura, a candeia para ser posta debaixo do cesto ou debaixo da cama?” Não, mas ela deve ser colocada “no velador”.

Os apóstolos foram designados para receber o Evangelho, não somente para si mesmos, mas para o bem dos outros, para transmiti-lo a outros. Todos os cristãos devem ministrar o dom conforme o receberam.

Dons e graças fazem do homem uma “candeia” ; “a lâmpada do Senhor” (Provérbios 20.27), acesa pelo Pai das luzes. Até mesmo os mais eminentes não passam de lâmpadas, luzes pobres, comparadas com o Sol da Justiça.

Uma candeia ilumina pouco à frente, e durante pouco tempo, e facilmente se apaga, e está continuamente ardendo e se gastando.

Não Pode Esconder

Muitos que são acesos como candeia, colocam-se debaixo da cama, ou debaixo de um cesto: eles não manifestam a graça em si mesmos, nem a ministram a outros; eles têm bens, e não fazem o bem com eles.

Possuem os seus membros e sentidos, talvez até mesmo inteligência e estudo, mas ninguém é melhor para eles; eles possuem dons espirituais, mas não os utilizam; como uma vela em uma urna funerária, eles ardem para si mesmos.

Aqueles que são acesos como candeias devem se colocar em um velador; isto é, devem aproveitar todas as oportunidades para fazer o bem, utilizando-as para a glória de Deus, e a serviço da comunidade à qual eles pertencem; não nascemos para nós mesmos.

A razão apresentada para isso é: “Porque nada há encoberto que não haja de ser manifesto” (v. 22). Não há tesouro de graças e dons armazenados em ninguém, a não ser com o objetivo de serem transmitidos.

Para Ser Útil

Tampouco o Evangelho foi um segredo para os apóstolos, para ficar oculto, mas deve ser levado e divulgado a todo o mundo. Embora Jesus explique as parábolas aos seus discípulos privadamente, ainda assim ele o fez com o objetivo de torná-las úteis o mais publicamente possível.

Ele lhes ensinava para que eles pudessem ensinar; e há uma regra geral, de que o ministério do Espírito seja dado para que todos os homens possam se beneficiar, não somente os próprios, mas também a outros. (Henry, Matthew, Comentário dos Evangelhos)

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, e estudante de Teologia. Seu amor por Jesus e pela Bíblia o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
});

O jesuseabiblia.com tem uma nova Política de Privacidade e Cookies Saiba mais.