marca_final-01

Marcos 5 Estudo: Jesus Opera 3 Milagres

Marcos 5 nos mostra a confirmação do ensino de Jesus por meio dos milagres que ele operava, algo que o autor começou a nos mostrar ainda no capítulo 4.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Em Marcos 5, há o registro de três maravilhosos milagres operados por Jesus Cristo. O primeiro deles é a cura do endemoninhado gesareno.

Marcos 5:2–5 nos mostra os detalhes vívidos de todo este relato que reflete tanto o relato de uma testemunha ocular quanto o relato de cidadãos que há muito estavam familiarizados com possesso.

Assim que Jesus saiu do barco, Ele encontrou um homem com um espírito maligno que viviam entre os túmulos.

Provavelmente eram salas semelhantes a cavernas escavadas nas rochas das colinas próximas, que serviam como tumbas e, às vezes, como refúgios para pessoas dementes.

Mateus mencionou demoníacos, enquanto Marcos e Lucas focaram a atenção em um, provavelmente o pior caso.

Segundo Marcos 5:3-5 sua condição patética. Ele viveu nas tumbas e era incontrolável.

Ele saiu noite e dia gritando descontroladamente e se cortando com pedras afiadas, talvez em uma forma demoníaca de adoração.

Tal comportamento mostra que a possessão demoníaca não é mera doença ou insanidade, mas uma tentativa satânica desesperada de distorcer e destruir a imagem de Deus no homem.

 

Quando Jesus o encontrou os demônios que o oprimiam tiveram que deixá-lo. Após a libertação e a cura, o homem pede ao Senhor para segui-lo, Jesus por sua vez, ordena que ele volte para casa e conte a família sobre a bondade de Deus com ele.

O gesareno obedece e faz muito mais do que lhe foi pedido. Ele anuncia a mais de dez cidades sobre o que Jesus Cristo fez por ele.

A Mulher do Fluxo de Sangue

O Segundo milagre de Jesus em Marcos 5, é o da mulher do fluxo de sangue. Havia doze anos que ela era afligida por uma enfermidade.

Quando ele ouviu falar de Jesus Cristo ela creu da seguinte forma: “Se eu tão-somente tocar em seu manto, ficarei curada” (Marcos 5:28).

Isso mesmo aconteceu, ao tocar no manto de Cristo ela foi imediatamente curada e testemunhou a todos os presentes sobre o milagre.

Ressurreição da Filha de Jairo

O terceiro milagre de Jesus em Marcos 5, é o da filha de Jairo. A menina já havia sido dada por morta, quando Jesus exortou a Jairo que não desistisse de crer.

Cristo ordenou que todos saíssem, ficando com ele apenas Pedro, Tiago e João. Com poucas palavras o Senhor da vida ordenou e a menina acordou, completamente curada.

10 COMENTÁRIOS

  1. ’16. E os que aquilo tinham visto contaram-lhes o que acontecera ao endemoninhado, e acerca dos porcos.
    17. E começaram a rogar-lhe que saísse dos seus termos.’
    Jesus maravilhosamente libertou uma pessoa de uma legião de demônios e uma multidão de judeus ou não-judeus se preocuparam tão somente com a perda de uma manada de porcos e nem um pouquinho com a libertação de um ser humano daquela lamentável situação, que nenhum de nós gostaria de estar. Como se não bastasse suplicaram que o Autor da vida e salvação saísse dos seus termos. Eles preferiram escolher os porcos. Esta passagem me parece bastante atual.

  2. Deus talvez quis mostrar, que aqueles ao qual vc judeu rejeita, considerá impróprio(porcos) se sacrifica para te salvar, quanto a carne de porco……..A nossa salvação se baseia na fé, não no cumprimento de muitas regras de pureza. Jesus declarou puros todos os alimentos (Marcos 7:19).

  3. No 5:10 rogou- lhe . O demônio entendeu que Jesus tinha todo o poder sobre ele e dirigiu-se a Jesus com um intenso desejo de que o seu pedido fosse ayendido. Não mandasse para fora do país . Os demônios queriam permanecer no mesmo área onde estavam exercendo seus poderes malignos.
    5.11 porcos: Os porcos eram animais imundos para os judeus , de modo que as pessoas que cuidavam desse rebanho eram ou gentios ou judeus que não se importavam com a lei .
    5.13 Jesus o permitiu . De acordo com seus propósitos soberanos, Jesus permitiu que os demônios entrassem nos porcos e os destruíssem – o texto não fornecesse outra explicação (ver Rm9.20)
    Ao fazer isso Jesus deu ao homem uma poderosa, visível e clara lição da imensidade do mal do qual ele fora liberto.
    Fonte de pesquisa Bíblia de estudo marcathur

  4. Aquele homem vivia isolado da sociedade,Quando Jesus desceu do barco aquele homem foi ao seu encontro ,como ele sabia que o tal era Jesus ,pois se ele vivia isolado?

  5. Graça e paz, realmente ainda estou prescrutando uma opinião, se eu fosse opinar pelos relatos mesmo sendo um pedido para irem ao encontro da manada de porcos, porque os porcos; eles morreram e não voltaram mais? A obra foi realizada os donos perderam; não quiseram mais O Senhor ali. Parece pelos relatos que os porcos eram dos judeus que não podiam comer, seria uma forma de punição para o povo judeu? Enfim vamos aproveitar e continuar prescrutando.

  6. O texto informa que quando Jesus libertou aquele homem,deu consentimento para os demônios entrarem nos porcos,e ao fazer isso,as pessoas que cuidavam dos porcos saíram e anunciaram o acontecimento na cidade e aos arredores,e muitas gentes foi ao local e presenciaram o que aconteceu,e quando Jesus pede ao homem que foi liberto que volte e anuncie o fato as pessoas das cidades e familiares,eles teriam certeza que tudo o que aquele homem iria contar seria verdade, embora as pessoas pediram pra jesus que não ficasse ali,elas eram testemunhas que realmente aquele homem foi LIBERTO,e com isso jesus foi conhecido,e Deus glorificado.

  7. Maravilhoso estudo. Mas cheguei nele quando buscava esclarecimento para algo que me intriga nesse texto. No entanto, mesmo tendo sido acrescenta da de muitos esclarecimentos maravilhosos ainda assim não achei o que procurava. Portanto vou perguntar, e a minha dúvida é:
    Por que Jesus permitiu àquela legião possuir aos porco e consequentemente destruí- los? Por que não os ordenou saírem sem causar danos a quaisquer criatura viva?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jesus e a Bíblia © 2020. Todos os direitos reservados.

});