Bíblia de Estudo Online

Mateus 10 Estudo: Jesus Envia os Discípulos

Mateus 10.1 – 4: Ao chamar seus doze discípulos o Senhor Jesus lhes concedeu autoridade e poder para pregar o Evangelho.

Mateus 10.5 – 15: As instruções iniciais para o primeiro envio dos doze, são precisas:

  1. Pregar primeiro aos judeus;
  2. O tema era a proximidade do Reino de Deus;
  3. Curar enfermos, ressuscitar mortos e expulsar demônios;
  4. Não cobrar nada pelo ensino;
  5. Não deviam preocupar-se com provisão e hospedagem;
  6. Não insistir com aqueles que rejeitassem.

Mateus 10.16 – 25: Após essas instruções Jesus Cristo mostra aos apóstolos quais as prováveis consequências de segui-lo:

  1. Perseguição;
  2. Rejeição;
  3. Traição;
  4. Desprezo.

Mateus 10.26 – 31: Contudo, o Senhor os exorta a não desanimar. Isso porque Deus tem cuidado de pequenos passarinhos e os cabelos de nossa cabeça estão contados.

A expressão de Jesus Cristo procura valorizar o cuidado de Deus com cada um de nós, não importa o contexto ou situação vivida.

Mateus 10.32 – 39: Confessar publicamente a Jesus Cristo é muito mais do que dizer: “Eu confesso Jesus”, “eu aceito Jesus” ou “eu me arrependo”.

Confessar a Jesus Cristo, além da confissão com os lábios é apresentar a disposição para suportar a severa oposição, até mesmo de pessoas que amamos como cônjuge e filhos.

É apresentar disposição para abrir mãos de bens, vantagens, oportunidades, etc., quando eles comprometerem o nosso relacionamento com Deus.

Ou seja, quem confessa a Jesus Cristo deve cultivar disposição para “morrer” todos os dias.

Mateus 10.40 – 42: Muitas pessoas criticam severamente os ministros, servos e servas de Deus. Eles são constantemente acusados de serem ladrões, gananciosos, mentirosos, corruptos e muitas outras coisas.

Porém, o Senhor Jesus fez a promessa de que qualquer um que ajude a algum de seus servos, mesmo que com um copo de água fria não ficará sem recompensa. (Ver Mateus 9 Estudo)

 

Versículos Chave:

Mateus 10.1: Jesus chama os apóstolos e lhes dá poder

“Chamando seus doze discípulos, deu-lhes autoridade para expulsar espíritos imundos e curar todas as doenças e enfermidades”.

A obra de Deus é um grande desafio e cercada por hostes e principados dominados pelo Diabo, o nosso adversário.

Sabendo disso, o Senhor Jesus nos concede autoridade e poder em seu Nome, para enfrenta-los e desfazer suas obras e libertas os oprimidos das trevas.

Se formos tímidos com relação a isso, não obteremos vitória, mas com fé e confiança no Senhor, triunfaremos sobre espíritos malignos e doenças.

Mateus 10.5: Jesus dá instruções aos apóstolos

“Jesus enviou os doze com as seguintes instruções…”

Ciente da oposição, Jesus nos orienta sobre como proceder. Poder exige responsabilidade – que diga o Tio Ben, por isso a orientação sobre como se comportar é tão necessária.

Nessa guerra não estamos sozinhos, o Senhor está conosco. Se ficarmos atentos poderemos ouvir sua voz e receber instruções específicas sobre o que fazer.

Por isso, que ao longo da história da Igreja lemos relatos tão extraordinários de eventos ocorridos na vida de pessoas simples.

Elas ouviram a mesma instrução que os discípulos iniciais e isso faz toda a diferença. Portanto, esteja atento a ministração particular de Deus sobre sua vida.

Mateus 10.25: Prováveis consequências de seguir a Jesus

“Basta ao discípulo ser como o seu mestre, e ao servo, como o seu senhor. Se o dono da casa foi chamado Belzebu, quanto mais os membros da sua família!”

É muito importante termos a ciência de que enfrentaremos muitas dificuldades por causa da escolha de servir e obedecer ao Senhor Jesus.

Ele não esconde o fato de que por sua causa enfrentaremos calúnia, reclusão, incompreensão e muitas outras coisas.

Contudo, o Espírito Santo nos capacita e consola, com força, graça e convicção para suportarmos o dia mal.

Mateus 10.30: O cuidado de Deus com seus servos

“Até os cabelos da cabeça de vocês estão todos contados”.

Jesus nos deixa cientes de tudo o que pode nos acontecer por causa de nossa fé nele, porém não acaba assim. Há cuidado preparado para nós.

Nossa vida está em suas mãos, se confiarmos o suficiente sentiremos seu amor e cuidado. Ele nos conhece e guarda desde os mínimos detalhes, até mesmo nossos cabelos estão contados.

Quem se importaria com isso?

Apenas alguém que nos ame e se importe profundamente. Este é o caso, embora Deus nos diga que há riscos e dificuldades a nossa espera, podemos contar com seu amor.

Mateus 10.32: Confessar a Jesus Cristo envolve escolhas

“Quem, pois, me confessar diante dos homens, eu também o confessarei diante do meu Pai que está nos céus”.

Não sei você, mas as vezes na hora do apelo eu fico realmente confuso. Pede para que todos na Igreja fechem os olhos, música suave para relaxar e voz macia.

Em seguida, a pergunta: “quem deseja confessar Jesus como Salvador?” – pregador prossegue – não se preocupe, ninguém está olhando. Não precisa ter vergonha – e por aí vai.

Parece mesmo que estamos em meio a uma operação de tráfico de drogas e ao menor movimento a pessoa será pega.

Jesus é enfático: “Quem me negar diante dos homens, será negado diante de meu pai”. Portanto, a confissão deve ser feita com confiança.

No momento da confissão e durante os dias de vida aqui na Terra. Não podemos, não devemos e não temos porque nos envergonhar de Jesus. Quando estava sendo crucificado, exposto, despido ele não se envergonhou de nós.

Mateus 10.42: Recompensas a quem ajudar os servos de Jesus

“E se alguém der mesmo que seja apenas um copo de água fria a um destes pequeninos, porque ele é meu discípulo, eu lhes asseguro que não perderá a sua recompensa”.

Durante a história da nossa vida, veremos que Deus levantará muitas pessoas para nos ajudar. São conexões de ouro. Pessoas que podem ser comparadas com anjos.

Estas pessoas receberão muitas e muitas bênçãos de Deus pelo favor feito a cada um de nós.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, estudante de Teologia e Administração. Seu amor por Jesus o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.