Provérbios - Bíblia de Estudo Online

Em Provérbios 13 que os filhos que dão ouvidos aos ensinos de seus pais são sábios. Isso é fato, mas algumas coisas precisam ser ditas aqui.

Para que o filho se torne sábio é necessário que ele ouça essa instrução, mas e se seus pais não o instruírem?

Em nossos dias, esse tem sido um grande problema. A correria do dia-a-dia, o trabalho, estudos, enfim tantas coisas tomando o tempo dos pais que dão tudo de si para dar o “melhor” a seus filhos que acabam esquecendo de compartilhar com eles, valore importantes para a vida.

Um filho sábio é formado pela instrução.

Outro ponto importante, é o controle da língua.

Na era das redes sociais, todos querem se expressar. Suas opiniões, pensamentos e intenções veem a público com apenas alguns cliques.

Há várias vantagens e desvantagens nisso. O simples, mas sábio, pode ter sua sabedoria notada, mas o tolo também terá sua tolice notada.

A questão é que a maioria de nós não tem filtro. Por isso, o sábio nos aconselha a ter cuidado com as palavras ou com as exposição do que pensamos.

É bom que antes de falar ou se expor, você reflita bem no que vai dizer.

Por fim, eu destaco o conselho que ele nos dá com relação as pessoas que nos acompanham, que fazem parte do nosso círculo de amizade (v.20). Se quero ser sábio, devo ter pessoas sábias por perto, segui-las, ler seus livros, ouvir suas palavras, imitar sua escolhas dentro das possibilidades, enfim.

Aquilo que você almeja ser é espelhado nas pessoas que lhe cercam e inspiram, portanto, se você deseja mudar de vida, mude suas convivências e influências.

Esboço de Provérbios 13:

13.1 – 4: Quem guarda a sua boca guarda a sua vida

13.5 – 9: As escolhas dos justos

13.10 – 25: A felicidade dos justos 

 

Provérbios 13.1 – 4: Quem guarda a sua boca guarda a sua vida

1 O filho sábio acolhe a instrução do pai, mas o zombador não ouve a repreensão.

2 Do fruto de sua boca o homem desfruta coisas boas, mas o que os infiéis desejam é violência.

3 Quem guarda a sua boca guarda a sua vida, mas quem fala demais acaba se arruinando.

4 O preguiçoso deseja e nada consegue, mas os desejos do diligente são amplamente satisfeitos.

Provérbios 13.5 – 9: As escolhas dos justos

5 Os justos odeiam o que é falso, mas os ímpios trazem vergonha e desgraça.

6 A retidão protege o homem íntegro, mas a impiedade derruba o pecador.

7 Alguns fingem que são ricos e nada têm; outros fingem que são pobres, e têm grande riqueza.

8 As riquezas de um homem servem de resgate para a sua vida, mas o pobre nunca recebe ameaças.

9 A luz dos justos resplandece esplendidamente, mas a lâmpada dos ímpios apaga-se.

Provérbios 13.10 – 25: A felicidade dos justos

10 O orgulho só gera discussões, mas a sabedoria está com os que tomam conselho.

11 O dinheiro ganho com desonestidade diminuirá, mas quem o ajunta aos poucos terá cada vez mais.

12 A esperança que se retarda deixa o coração doente, mas o anseio satisfeito é árvore de vida.

13 Quem zomba da instrução pagará por ela, mas aquele que respeita o mandamento será recompensado.

14 O ensino dos sábios é fonte de vida, e afasta o homem das armadilhas da morte.

15 O bom entendimento conquista favor, mas o caminho do infiel é áspero.

16 Todo homem prudente age com base no conhecimento, mas o tolo expõe a sua insensatez.

17 O mensageiro ímpio cai em dificuldade, mas o enviado digno de confiança traz a cura.

18 Quem despreza a disciplina cai na pobreza e na vergonha, mas quem acolhe a repreensão recebe tratamento honroso.

19 O anseio satisfeito agrada a alma, mas o tolo detesta afastar-se do mal.

20 Aquele que anda com os sábios será cada vez mais sábio, mas o companheiro dos tolos acabará mal.

21 O infortúnio persegue o pecador, mas a prosperidade é a recompensa do justo.

22 O homem bom deixa herança para os filhos de seus filhos, mas a riqueza do pecador é armazenada para os justos.

23 A lavoura do pobre produz alimento com fartura, mas por falta de justiça ele o perde.

24 Quem se nega a castigar seu filho não o ama; quem o ama não hesita em discipliná-lo.

25 O justo come até satisfazer o apetite, mas os ímpios permanecem famintos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here