Bíblia de Estudo Online Diego Nascimento

Salmos 101 Estudo: Lealdade e justiça

No Salmos 101, o Salmista Davi faz uma declaração de lealdade e serviço a Deus. Ele promete ao Senhor que haverá justiça e pureza em sua vida, em sua casa, e em todo o reino.

Davi diz: NÃO!,  a corrupção, ao suborno e a injustiça. A integridade será a marca do seu reino e seu procedimento busca a glória de Deus.

Ele diz que não fará aliança com os ímpios, apenas os fiéis da Terra o servirão, isto é aqueles que temem ao Senhor Deus. Como é bom quando os líderes do povo temem ao Senhor. A bênção de Deus é derramada sobre a nação e todos prosperam.

Davi, com certeza, é o autor desse salmo, e o salmo possui o genuíno espírito de um homem segundo o coração de Deus; é um juramento solene que Davi fez a Deus quando tomou sobre si a responsabilidade de uma família e de um reino.

Não é importante saber se ele escreveu-o quando tomou posse do governo, imediatamente após a morte de Saul (conforme acham alguns), ou quando começou a reinar sobre toda a Israel e trouxe a arca para a cidade de Davi (conforme acham outros).

O salmo é um excelente plano, ou modelo, para o bom governo de uma corte ou a manutenção da virtude e da piedade e, por meio disso, da boa ordem na corte, mas é aplicável a famílias privadas; é o salmo do chefe de família.

O salmo instrui todos que estão em alguma esfera de poder, quer maior quer menor, a usar seu poder de forma a ser um pesadelo para malfeitores, mas um louvor para os que praticam o bem.

Aqui temos o escopo geral do juramento de Davi (v.v. 1,2). As particularidades do juramento de que ele abominaria e desencorajaria toda forma de maldade (v.v. 3-5,7,8) e favoreceria e encorajaria tudo que fosse virtuoso (v. 6).

Alguns acham que isso se encaixa de forma adequada a Cristo, o Filho de Davi, que governa sua igreja, a cidade do Senhor, por meio dessas regras e ama a justiça e odeia a perversidade.

Ao ser entoado, esse salmo para as famílias, tanto governantes como governadas, deve ensinar, e admoestar, e fazer com que se comprometam elas mesmas e umas com as outras para que caminhem pela regra do salmo a fim de que a paz esteja sobre elas e a presença de Deus com elas. (Henry, Matthew, Comentário dos Livros Poéticos)

Esboço de Salmos 101:

Salmos 101.1,2: Lealdade e justiça

Salmos 101.3 – 5:  Repudiarei todo mal

Salmos 101.6 – 8: Os fiéis da Terra

 

Salmos 101.1,2: Lealdade e justiça

1 Cantarei a lealdade e a justiça. A ti, Senhor, cantarei louvores!

2 Seguirei o caminho da integridade; quando virás ao meu encontro? Em minha casa viverei de coração íntegro.

Salmos 101.3 – 5:  Repudiarei todo mal

3 Repudiarei todo mal. Odeio a conduta dos infiéis; jamais me dominará!

4 Longe estou dos perversos de coração; não quero envolver-me com o mal.

5 Farei calar ao que difama o próximo às ocultas. Não vou tolerar o homem de olhos arrogantes e de coração orgulhoso.

Salmos 101.6 – 8: Os fiéis da Terra

6 Meus olhos aprovam os fiéis da terra, e eles habitarão comigo. Somente quem tem vida íntegra me servirá.

7 Quem pratica a fraude não habitará no meu santuário; o mentiroso não permanecerá na minha presença.

8 Cada manhã fiz calar todos os ímpios desta terra; eliminei todos os malfeitores da cidade do Senhor.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, e estudante de Teologia. Seu amor por Jesus e pela Bíblia o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
});