Bíblia de Estudo Online Diego Nascimento

Salmos 17 Estudo: Protege-me Senhor!

No Salmos 17, o salmista Davi apresenta a Deus suas orações, suplicando ajuda contra os muitos adversários que lhe cercam. A integridade dele está sendo duramente atacada. Eles o caluniam e difamam constantemente.

O povo de Deus precisa lidar com muitos adversários, um deles é a língua maldosa. Precisamos administrar em oração, os insultos, calúnias, difamações e sobretudo, ter em mente que nossa luta não é contra os seres humanos, mas contra o Diabo que muitas vezes, os usa.

É imprescindível que passemos tempo diante de Deus em oração, para que não percamos o controle de nossas emoções acabemos fazendo uma “besteira”.

Como o salmista ore a Deus, e peça a Ele que lhe ajude e intervenha diretamente na situação. Se você perseverar a vitória virá.

Esboço de Salmos 17:

17.1 – 5: A integridade de Davi

17.6 – 12: Protege-me Senhor!

17.13 – 15: Levanta-te, Senhor!

 

Salmos 17.1 – 5: A integridade de Davi

1 Ouve, Senhor, a minha justa queixa; atenta para o meu clamor. Dá ouvidos à minha oração, que não vem de lábios falsos.

2 Venha de ti a sentença em meu favor; vejam os teus olhos onde está a justiça!

3 Provas o meu coração e de noite me examinas, tu me sondas, e nada encontras; decidi que a minha boca não pecará

4 como fazem os homens. Pela palavra dos teus lábios eu evitei os caminhos do violento.

5 Meus passos seguem firmes nas tuas veredas; os meus pés não escorregaram.

Salmos 17.6 – 12: Protege-me Senhor!

6 Eu clamo a ti, ó Deus, pois tu me respondes; inclina para mim os teus ouvidos e ouve a minha oração.

7 Mostra a maravilha do teu amor, tu, que com a tua mão direita salvas os que em ti buscam proteção contra aqueles que os ameaçam.

8 Protege-me como à menina dos teus olhos; esconde-me à sombra das tuas asas,

9 dos ímpios que me atacam com violência, dos inimigos mortais que me cercam.

10 Eles fecham o coração insensível, e com a boca falam com arrogância.

11 Eles me seguem os passos, e já me cercam; seus olhos estão atentos, prontos para derrubar-me.

12 São como um leão ávido pela presa, como um leão forte agachado na emboscada.

Salmos 17.13 – 15: Levanta-te, Senhor!

13 Levanta-te, Senhor! Confronta-os! Derruba-os! Com a tua espada livra-me dos ímpios.

14 Com a tua mão, Senhor, livra-me de homens assim, de homens deste mundo, cuja recompensa está nesta vida. Enche-lhes o ventre de tudo o que lhes reservaste; sejam os seus filhos saciados, e o que sobrar fique para os seus pequeninos.

15 Quanto a mim, feita a justiça, verei a tua face; quando despertar, ficarei satisfeito ao ver a tua semelhança.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, e estudante de Teologia. Seu amor por Jesus e pela Bíblia o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
});

O jesuseabiblia.com tem uma nova Política de Privacidade e Cookies Saiba mais.