Bíblia de Estudo Online Diego Nascimento

Salmos 19 Estudo: A Mensagem da Criação

No Salmos 19, o Salmista nos mostra como a criação anuncia a glória de Deus: “Sem discurso nem palavras, não se ouve a sua voz. Mas a sua voz ressoa por toda a terra, e as suas palavras, até os confins do mundo”.

A teoria da evolução tenta argumentar de maneira muito fraca, que toda a vida na Terra e até mesmo o Universo, são frutos do acaso ou Big Bang.

Mas a Palavra de Deus nos convida a raciocinar. Observe a criação – diz ela – é possível que toda essa complexidade tenha vindo do “nada”. Será mesmo que não há um projeto por trás de tudo?

A criação é um grande mensageiro de Deus. Ela testifica a grandeza e soberania do nosso Deus.

Além disso, ele deixou sua irrefutável Palavra. Por ela somos advertidos, isto é, ela nos orienta; dá destino.

De acordo com o salmista: “Quem pode discernir os próprios erros?”. Sem parâmetros estamos todos perdidos.

Observando nossos passos de acordo com os conselhos da Palavra de Deus, teremos uma vida cheia de paz e prosperidade, em todos os sentidos. Pois a Palavra de Deus é infalível.

Esboço de Salmos 19:

Salmos 19.1 – 6: A mensagem da criação

Salmos 19.7 – 11: Preciosas ordenanças

Salmos 19.12 – 14: Quem pode discernir os próprios erros

 

Salmos 19.1 – 6: A mensagem da criação

1 Os céus declaram a glória de Deus; o firmamento proclama a obra das suas mãos.

2 Um dia fala disso a outro dia; uma noite o revela a outra noite.

3 Sem discurso nem palavras, não se ouve a sua voz.

4 Mas a sua voz ressoa por toda a terra, e as suas palavras, até os confins do mundo. Nos céus ele armou uma tenda para o sol,

5 que é como um noivo que sai de seu aposento e se lança em sua carreira com a alegria de um herói.

6 Sai de uma extremidade dos céus e faz o seu trajeto até a outra; nada escapa ao seu calor.

Salmos 19.7 – 11: Preciosas ordenanças

7 A lei do Senhor é perfeita, e revigora a alma. Os testemunhos do Senhor são dignos de confiança, e tornam sábios os inexperientes.

8 Os preceitos do Senhor são justos, e dão alegria ao coração. Os mandamentos do Senhor são límpidos, e trazem luz aos olhos.

9 O temor do Senhor é puro, e dura para sempre. As ordenanças do Senhor são verdadeiras, são todas elas justas.

10 São mais desejáveis do que o ouro, do que muito ouro puro; são mais doces do que o mel, do que as gotas do favo.

11 Por elas o teu servo é advertido; há grande recompensa em obedecer-lhes.

Salmos 19.12 – 14: Quem pode discernir os próprios erros

12 Quem pode discernir os próprios erros? Absolve-me dos que desconheço!

13 Também guarda o teu servo dos pecados intencionais; que eles não me dominem! Então serei íntegro, inocente de grande transgressão.

14 Que as palavras da minha boca e a meditação do meu coração sejam agradáveis a ti, Senhor, minha Rocha e meu Resgatador!

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, e estudante de Teologia. Seu amor por Jesus e pela Bíblia o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. ana paula disse:

    eu gotaria der aprede mais da palavra de deus

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
});

O jesuseabiblia.com tem uma nova Política de Privacidade e Cookies Saiba mais.