Bíblia de Estudo Online Diego Nascimento

Salmos 56 Estudo: Recolhe as Minhas Lágrimas

No Salmos 56, o Salmista Davi apresenta ao Senhor Deus uma oração como pedido de socorro. Ele está sendo pressionado pelos adversários e isso lhe causa medo.

Contudo, ele não permite que o temor lhe domine, por isso diz: Mas eu, quando estiver com medo, confiarei em ti”.

Situações difíceis mexem muito com a nossa alma. Muitas delas produzem em nós muita angústia, dor e até um certo desespero. Davi luta contra isso, elo chora e suplica a Deus que o ajude:

“Registra, tu mesmo, o meu lamento; recolhe as minhas lágrimas em teu odre; acaso não estão anotadas em teu livro?”

Por fim, como sempre, Davi termina declarando sua confiança em Deus. Ele é um grande exemplo de homem de oração.

Por mais lamentos e lutas que sejam registrados no começo de seus salmos, ele sempre conclui declarando sua confiança no Senhor. “Confio em Deus, cuja palavra louvo, no Senhor, cuja palavra louvo, em Deus eu confio, e não temerei. Que poderá fazer-me o homem?”

Por maior e mais desafiador que sejam as questões que lhe cercam, não perca a fé, nem o ânimo. Deus está com seus filhos, Ele conservará a nossa alma.

Esboço de Salmos 56:

Salmos 56.1 – 4: Quando estiver com medo

Salmos 56.5 – 9: Recolhe as minhas lágrimas

Salmos 56.10 – 13: Confio em Deus

 

Salmos 56.1 – 4: Quando estiver com medo

1 Tem misericórdia de mim, ó Deus, pois os homens me pressionam; o tempo todo me atacam e me oprimem.

2 Os meus inimigos pressionam-me sem parar; muitos atacam-me arrogantemente.

3 Mas eu, quando estiver com medo, confiarei em ti.

4 Em Deus, cuja palavra eu louvo, em Deus eu confio, e não temerei. Que poderá fazer-me o simples mortal?

Salmos 56.5 – 9: Recolhe as minhas lágrimas

5 O tempo todo eles distorcem as minhas palavras; estão sempre tramando prejudicar-me.

6 Conspiram, ficam à espreita, vigiam os meus passos, na esperança de tirar-me a vida.

7 Deixarás escapar essa gente tão perversa? Na tua ira, ó Deus, derruba as nações.

8 Registra, tu mesmo, o meu lamento; recolhe as minhas lágrimas em teu odre; acaso não estão anotadas em teu livro?

9 Os meus inimigos retrocederão, quando eu clamar por socorro. Com isso saberei que Deus está a meu favor.

Salmos 56.10 – 13: Confio em Deus

10 Confio em Deus, cuja palavra louvo, no Senhor, cuja palavra louvo,

11 em Deus eu confio, e não temerei. Que poderá fazer-me o homem?

12 Cumprirei os votos que te fiz, ó Deus; a ti apresentarei minhas ofertas de gratidão.

13 Pois me livraste da morte e os meus pés de tropeçarem, para que eu ande diante de Deus na luz que ilumina os vivos.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, e estudante de Teologia. Seu amor por Jesus e pela Bíblia o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
});

O jesuseabiblia.com tem uma nova Política de Privacidade e Cookies Saiba mais.