marca_final-01

Decida Amar – Linguagens do Amor

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Gary Chapman em seu livro 5 Linguagens do Amor, nos ensina que amar é uma decisão, ou seja, é preciso que você decida amar.

Ele vai nos mostrar por meio de algumas histórias e testemunhos como devemos fazer isso de forma prática. Deixando claro que precisamos ser intencionais. 

Então, vamos lá!

Usando o livro de Cânticos como base para esse estudo nós percebemos que tanto amada quanto o amado são intencionais em seu amor.  Em Cânticos 6:3 a Amada diz ao “Eu Sou do Meu Amado e ele é meu”. 

Você já fez essa entrega ao seu cônjuge? Você renova essa entrega diariamente?

Pergunto e os peço para refletir porque muitas vezes nos entregamos no casamento, mas com o passar do tempo vamos nos esquecendo de nos entregar ao nosso cônjuge dia após dia e vamos criando barreiras entre nós. 

Para tratar isso Gary Chapman, lista como a primeira coisa que você precisa fazer é precisa deixar o passado no passado. Ou seja, se teve problemas no passado, feridas que marcaram muito você precisa deixar no passado.

Nesse aspecto você deve lembrar como o Senhor Deus nos aceita. Na conversão o Senhor Deus perdoa os nossos erros do passado e os lança no mar do esquecimento.

Devemos imitar essa prática e perdoar os erros dos nossos cônjuges. 

Em seguida, o Dr. Chapman conta o relato de um marido que veio connversar com ele alegando que gostaria de se separar, pois, não amava mais a sua esposa.

Durante a conversa, o antropólogo notou que ele era um homem muito frio e que ele estava apaixonado, já havia uma outra pessoa. 

Porém, a maioria das pessoas da sociedade ainda não entendeu a diferença entre a experiência da Paixão e a necessidade emocional de sentir-se amado. E por isso, muitas vezes casamentos acabam precocemente. 

Precisamos por isso entender o amor como uma decisão. É preciso que você decida amar. O rapaz da história estava apaixonado e por isso queria deixar sua mulher. 

No novo relacionamento ele se sente amado. Aqui, vemos que sua esposa não cuidou em deixar o tanque de amor cheio e, por isso estava carente de amor.

Diante desse relato, é muito importante que nós mantenhamos o tanque de amor dos nossos cônjuges cheios! Precisamos ser intencionais nisso.

Passado um tempo, Gary Chapman recebeu novamente o homem. Eles haviam passado pela fase da paixão e amante havia o rejeitado. Nessa situação, o Dr. Chapman fez uma proposta a ele e dpois de 9 meses de aconselhamento esse casal teve o relacionamento restaurado.

Isso, só foi possível porque eles foram intencionais. Souberam lidar com momentos de crise. Pois, crise todo relacionamento vai passar, em uma intensidade ou em outra, mas você precisa querer amar. Amar é sim, uma decisão!

Então, decida amar!

Ao descobrir a linguagem de amor do seu esposo (a) seja intencional em alimentar esse amor. Tenha certeza que assim você vai colher bons frutos. 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jesus e a Bíblia © 2020. Todos os direitos reservados.