marca_final-01

Como Receber Avivamento Espiritual?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Neste estudo bíblico vamos analisar o avivamento ocorrido no dia de Pentecoste. Não pretendo abordar outros avivamentos ocorridos ao longo da história, como o avivamento na Europa, África e América. Não tenho como assumir que todas as informações, intenções e métodos desses movimentos, são agradáveis ao Senhor Jesus.

A minha intenção é estudar o avivamento bíblico. Ocorrido na Igreja primitiva. Dessa forma tenho certeza de que estou passando informações confiáveis do ponto de vista espiritual.

O avivamento ocorrido no dia de Pentecoste foi totalmente agradável a Deus e elimina qualquer tipo de desconfiança. É um avivamento com bases puras e totalmente bíblico.

O Propósito do Avivamento

Após sua morte e ressurreição, O Senhor Jesus declarou que a promessa de Deus havia se cumprido e que era chegado o tempo de voltar para o Pai. Contudo, os discípulos deveriam permanecer em Jerusalém, até que fossem revestidos do pode de Deus (Lucas 24:46-49).

Esse poder os capacitaria a anunciar o Evangelho de Jesus Cristo a todas as nações. Ou seja, poder com o fim específico de promover o Reino de Deus entre os homens.

Poder Para Testemunhar 

Nos nossos dias a visão de avivamento – na minha opinião – é deturpada por algumas doutrinas. Avivamento não tem o objetivo principal de promover pessoas nem denominações, mas sim o Reino de Deus e o Evangelho de Jesus.

A maior e mais contundente prova de que uma Igreja Cristã é avivada ou não, pode ser observada pela quantidade de pessoas que ela conduz a Cristo – por meio de conversões – e pela observação dos frutos do Espírito nos Cristãos que já fazem parte dessa comunidade, como por exemplo Barnabé.

Se estas características estiverem ausentes não há avivamento. Há movimento!

Ao receber o poder do Espírito Santo, o Cristão autêntico é cada vez mais e de todas as formas, impelido a testemunhar a respeito de JesusAvivamento espiritual que não ultrapassa o lugar do culto é apenas terapia e euforia.

Como Receber Avivamento?

Não pode faltar a oração. Após a ascensão de Jesus ao céu, os apóstolos – líderes da Igreja – e as mulheres que seguiam a Jesus, bem como outros discípulos permaneceram juntos. Eles estavam sempre reunidos para orar (Atos 1:13-15).

Não há avivamento sem interesse. A liderança estava profundamente envolvida com o desejo, o sentimento e o propósito de uma revolução espiritual.

Todos Estavam Reunidos Em Um Só Lugar 

Havia comunhão entre eles. Após a ascensão de Jesus eles permaneceram juntos em um só lugar. Cada um não puxou para um lado em busca de seus interesses. Não há avivamento sem comunhão (Atos 2:1-5).

Uma Expectativa Viva E Confiante

Cada um deles estava ali com uma expectativa. Eles queriam receber algo. Esse “algo” estava enraizado na promessa de Jesus (Lucas 24:49).

Não há avivamento real fora da Palavra de Deus. O poder e revestimento espiritual que desejamos deve ter os padrões bíblicos. Avivamento não é uma anomalia espiritual é fruto da instrução bíblica!

As Consequências…

Ao receber o poder de Deus e o revestimento do Espírito Santo, imediatamente a Igreja passou a receber maior oposição por parte dos incrédulos (Atos 2:13).

Não se espante!

Poderão te chamar de fanático. Louco. Estranho. Mas não se incomode, o Senhor Jesus disse que quando fossemos perseguidos por causa dele, deveríamos nos alegrar e glorificar a Deus (Mateus 5:11,12).

Avivamento Produz Ousadia Espiritual

Em contrapartida a oposição, o avivamento da fé também gera no cristão uma contundente carga de ousadia (Atos 2:14 -16).

Ao perceber que os judeus estavam zombando da Igreja e interpretando errado os acontecimentos, Pedro ousadamente dirigiu-se a multidão com palavras cheias de poder. Pedro explicou detalhadamente, por meio das Escrituras, que aquilo era o cumprimento da profecia de Joel 2.28.

Avivamento Produz Arrependimento

Cheio do Espírito Santo, Pedro expôs as verdades de Jesus Cristo de tal forma que cerca de três mil pessoas se arrependeram e confessaram Jesus com seu Senhor (Atos 2:37-41). As palavras do apóstolo foram como “a espada afiada de dois gumes” descrita em Hebreus 4.12, no coração dos ouvintes.

Avivamento produz pregação voltada para o arrependimento não para o entretenimento. Rodopios. Correria. Gritos. Euforia. Perda de sentidos. Não é esse o principal objetivo de um avivamento com base nas Escrituras Sagradas.O principal objetivo de um avivamento espiritual é a conversão de pessoas a Jesus.

Perceba que a promessa é bastante específica: “Mas receberão poder… e serão minhas testemunhas. ”. Não é poder para autopromoção ou satisfação pessoal. É poder para fazer o Reino de Deus crescer!

Precisamos desse avivamento!

Conservando o Avivamento da Fé 

Avivamento exige dedicação. “Eles se dedicavam ao ensino dos apóstolos…” (Atos 2:42-47). Avivamento precisa ser conservado, senão os seus efeitos desaparecem. Sobre isso, o apóstolo Paulo aconselha Timóteo a estar atento a seu estilo de vida e a doutrina, perseverando nisso, ele salvaria tanto sua alma, quando a de seus ouvintes (1 Timóteo 4:16). O princípio é basicamente o mesmo.

Após receber o avivamento, é necessário estar atento a seu próprio relacionamento com Jesus e com a doutrina. Foi o que a Igreja primitiva fez. Mesmo estando cheios do poder de Deus, eles não baixaram a guarda.

Para conservar a graça recebida, eles se dedicaram ao ensino dos apóstolos. Ou seja, aos ensinos de CristoAvivamento espiritual não é fruto de uma anomalia bíblica. É fruto de um estudo saudável das Escrituras.

Exige comunhão, oração e temor. “Eles se dedicavam… à comunhão, ao partir do pão e às orações. “Todos estavam cheios de temor…”. Uma das consequências do avivamento é a comunhão entre os irmãos. Unidade. Uma Igreja sem união é uma Igreja carnal.

O derramamento do Espírito Santo sobre a Igreja no dia de Pentecoste produziu uma profunda unidade. De tal maneira que eles partiam o pão juntos e tinham tudo em comum, inclusive temor.

Eles se amavam!

Avivamento exige culto. Muitas maravilhas e sinais eram feitos pelos apóstolos… Todos os dias, continuavam a reunir-se no pátio do templo. Partiam o pão em suas casas, e juntos participavam das refeições, com alegria e sinceridade de coração, louvando a Deus e tendo a simpatia de todo o povo. E o Senhor lhes acrescentava todos os dias os que iam sendo salvos. ”

Uma Igreja avivada é uma Igreja que oferece cultos aos Senhor, com frequência e prazer. Todos os dias a Igreja se reunia para oferecer um culto sincero e amoroso ao nosso Deus.

Eram nos cultos que se evidenciavam os frutos do ensino apostólico, das orações e da comunhão. De que forma? Muitas maravilhas e sinais eram feitos pelos apóstolos. Havia poder para curar, libertar e restaurar sendo evidenciado entre eles.

Uma outra consequência disso era a alegria. Os crentes se comportavam com “alegria e sinceridade de coração, louvando a Deus”. Eram pessoas alegres. Felizes. Animadas. Isso contagiou a comunidade local e eles conquistaram “a simpatia de todo o povo”.

Uma Igreja avivada, que conhece e estuda a Bíblia, está em constante oração, se mantém unida e cultua constantemente ao Senhor, colhe o mais precioso dos frutos. Vidas para Jesus!

E o Senhor lhes acrescentava todos os dias os que iam sendo salvos. Esse é o principal objetivo do avivamento espiritual. A conversão de almas. O arrependimento dos pecadores. Não a autopromoção.

Conclusão

O poder do Espírito Santo tem como principal objetivo capacitar o crente para a pregação do Evangelho e expansão do Reino de Deus.

O que o avivamento bíblico não produz?

  • Senso de superioridade espiritual;
  • Espírito de julgamento;
  • Isolamento;
  • Desprezo para com os mais fracos na fé.

E então o que você acha? Que atitudes nós deveríamos melhorar para desenvolver um avivamento genuíno em nossa nação? Deixe sua resposta! Compartilhe sua opinião com o mundo!

Deus abençoe!

31 COMENTÁRIOS

  1. De inicio, agradeço pela qualidade dos seus conteudos. Tenho um historico de idas e vindas na igreja e pela graça dEle tenho tentado entrar nos trilhos novamente. Seu site tem me ajudado muito a interpretar o que tenho lido na biblia, também os seus videos.

    Tenho uma duvida em relaçao ao trecho que menciona o isolamento como um fruto que nao vem do Espirito. Tenho 23 anos, quando ainda morava no Brasil, frequentava uma igreja batista, ha pouco mais de 3 anos. Sempre tive muita resistencia em me socializar, e so entrei numa celula ha poucos meses atras (antes de ir embora, atualmente moro em outro pais ha 2 meses). E mesmo na celula era muito dificil pra mim interagir. Estar rodeada de pessoas era quase fisicamente doloroso. Chegando aqui, procurei uma igreja batista e tenho frequentado, mas ainda percebo que continua dificil interagir com os outros, e é um comportamento muito encorajado na igreja. Também passei a conhecer uma igreja adventista ha duas semanas, me senti mais a vontade pois nao ha tanto essa cobrança de estar em contato com o outro.. Me pergunto ha uma dificuldade espiritual em mim pelo fato de eu ser uma pessoa solitaria.

    • Paz Vitória!

      Vou responder sua pergunta, aprsentando o desejo de Jesus para sua Igreja, e o desejo dele é que nos amemos e sejamos um.
      Logo, não é possível obedecer ao Senhor nestes dois pontos sem conversar com irmãos, sem desenvolver amizade com eles, sem que haja momentos em que nos sentemos à mesa para comer com eles, sem que tenhamos momentos de orações, sem que possamos abrir nossos corações para eles em momentos de dificuldade – e vice-versa.

      Todos estes exemplos são vistos na Igreja em Atos dos apóstolos, onde somos ensinados a viver em comunhão.

      Me vejo muito em seu testemunho!

      É engraçado que, nos primeiros anos de conversão, um dos momentos do culto que eu repugnava era o de cumprimentar os irmãos. Para mim, era desnecessário.

      Até que lendo as Escrituras, percebi que não era esse o desejo de Deus, e comecei a me esforçar nesta área.

      Hoje, sou uma daquelas pessoas, que neste momento, anda a Igreja inteira para falar com todo mundo, abraçar, sorrir para eles. Na vida de muita gente, um abraço é sinônimo de cura.

      Então Vitória, lhe estimulo sinceramente a procurar se socializar mais com seus irmãos em Cristo. É uma benção!

  2. Parabéns irmão! para o verdadeiro avivamento que Jesus quer nos mostrar, está em pentecostes, Jesus envia aos discípulos o ES, aí está o avivamento da igreja que Jesus, pois a partir daí os apóstolos começam a sua missão de anunciar a igreja que o mestre os mostrou, de casa em casa, comunidade em comunidade eles vão pregando a nova igreja que está no coração de cada um irmão e através do ES todos que acreditarem serão libertos, por isso quando ele fala que destruiria o templo (construção) e construiria em 3 dias era essa a nova igreja, penso assim pois me sinto cada vz melhor a cada dia que passa. Que o amado Jesus esteja presente na vida de cada um de vocês.

  3. O Estudo É Bacana Gostei Muito E Cheguei A Conclusão Que Para Termos Um Verdadeiro Avivamento Precisamos Primeiramente Deixar O Amor Pela Obra De Deus Crescer Em Nosso Coração, Não Fazer Nada Como Obrigação Ou Por Outro Interesse Se Não Pelo Amor. Que Deus Continue Te abençoando

  4. Muito bom site bons estudos biblicos que nos ajuda bastante tirar algumas duvidas que o eterno continue te abençoando, estarei te ajudando em oração, pra que vc continue sendo essa ferramenta nas mãos do todo poderoso Deus criador do Céu e da terra!!!

  5. Gostei muito desse estudo,mas percebo que a igreja atual está longe de um verdadeiro avivamento,movimentos tem de mais,avivamento não,que o tenha misericórdia de nós…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jesus e a Bíblia © 2020. Todos os direitos reservados.

});