Estudos Bíblicos

Estudo Bíblico Sobre Caráter Cristão: 5 Exemplos do Caráter de Cristo

O caráter cristão é algo extremamente poderoso. Forjado pelo Espírito de Deus na vida dos crentes, ele é responsável por atitudes que marcam época ao longo desses 2000 anos.

Neste estudo bíblico veremos:

  • O que é caráter;
  • Como o caráter cristão é desenvolvido;
  • Exemplos de caráter cristão.

Boa leitura!

O Que é Caráter Cristão

O que é caráter: “Caráter é um conjunto de características e traços relativos à maneira de agir e de reagir de um indivíduo ou de um grupo. É um feitio moral. É a firmeza e coerência de atitudes”. (Fonte: Significados)

O caráter cristão é desenvolvido em nós por meio do lavar regenerador e renovador do Espírito Santo (Tito 3.5)É obra de Deus, não nossa. No entanto, a proximidade com as Escrituras e com a oração são o caminho para esse processo. Quanto mais cativa (escrava, submissa) for a nossa mente a Palavra de Deus (II Coríntios 1.3-7) mais experimentaremos a sua boa, perfeita e agradável vontade (Romanos 12.2).

A seguir veremos alguns exemplos de caráter cristão que podem nos ajudar nas lutas do dia-a-dia.

Caráter Cristão: Abraão o Pacificador

Então Abrão disse a Ló: “Não haja desavença entre mim e você, ou entre os seus pastores e os meus; afinal somos irmãos! Aí está a terra inteira diante de você. Vamos nos separar! Se você for para a esquerda, irei para a direita; se for para a direita, irei para a esquerda”. (Gênesis 13:8,9)

O patriarca Abraão possuía um caráter pacifico e cheio de fé muito parecido com o de Barnabé. Quando ocorreu a discussão entre os pastores de Ló e os dele, Abraão deu a Ló a primazia da escolha para evitar conflito.

Ao observar ao seu redor Ló viu as Campina de Sodoma e Gomorra: verdes, bem-irrigadas, e como qualquer agricultor ele foi atraído até aquelas terras.

No entanto, mais vale aliança com Deus do que qualquer vantagem terrena. Abraão ficou com a terra árida, seca de Canãa. Mas a sua grande vantagem era ter conservado uma aliança profunda com Deus.

O Senhor falou com Abraão e disse: “De onde você está, olhe para o Norte, para o Sul, para o Leste e para o Oeste: Toda a terra que você está vendo darei a você e à sua descendência para sempre”. (Gênesis 13:14,15)

Mais tarde, quando os hebreus estão fazendo o trajeto: Egito – Canãa, Moisés envia espias a Canãa para ver como era a terra que o Senhor lhes havia prometido. E o relatório foi o seguinte:

“Quando chegaram ao vale de Escol, cortaram um ramo do qual pendia um único cacho de uvas. Dois deles carregaram o cacho, pendurado numa vara. Colheram também romãs e figos. E deram o seguinte relatório a Moisés: “Entramos na terra à qual você nos enviou, onde manam leite e mel! Aqui estão alguns frutos dela”. (Números 23,27)

Não se deixe levar pela ira quando lhe afrontarem. Quando quiserem tirar vantagem de você. Faça como Abraão, dê o direito de escolha e desenvolva um relacionamento profundo com Deus. É certo que Ele tem o melhor para você ainda que os seus olhos não percebam.

Caráter Cristão: Daniel e a Pureza Sincera

Daniel, contudo, decidiu não se tornar impuro com a comida e com o vinho do rei, e pediu ao chefe dos oficiais permissão para se abster deles. E Deus fez com que o homem fosse bondoso para com Daniel e tivesse simpatia por ele. (Daniel 1:8,9)

Milhares de jovens judeus foram levados para a Babilônia como escravos. Ao chegar ao novo lar eles foram confrontados por uma cultura extremamente pecadora, perversa e sem temor ao Senhor Deus.

Logo de cara o cardápio foi determinado: a mesma comida que o rei comia (Daniel 1.5). O problema?

O cardápio judaico é extremamente restritivo. Havia uma série de elementos que tornavam um judeu impuro e a comida era uma delas. A atitude de Daniel e seus amigos? “Não vamos nos contaminar! ”. O cardápio deles era só legumes.

A atitude de Daniel e seus amigos agradou a Deus, e eles foram honrados. Ao final dos três anos de preparação estavam mais saudáveis e eram dez vezes mais inteligentes que todos os seus concorrentes.

Caráter Cristão: Esdras, Aquele Que Ama a Palavra de Deus

No dia primeiro do primeiro mês ele saiu da Babilônia, e chegou a Jerusalém no primeiro dia do quinto mês, porquanto a boa mão de seu Deus estava sobre ele. Pois Esdras tinha decidido dedicar-se a estudar a Lei do Senhor e a praticá-la, e a ensinar os seus decretos e mandamentos aos israelitas. (Esdras 7:9,10)

Procuramos atrair a atenção de Deus de muitas maneiras e a maioria delas são falhas. A confusão da mulher samaritana é legitima: “Nossos antepassados adoraram neste monte, mas vocês, judeus, dizem que Jerusalém é o lugar onde se deve adorar”. (João 4.20).

Mesmo estando em Cristo procuramos sempre o lado correto. Como adorar? Devo ou não levantar as mãos? Devo ou não chorar? Devo ou não glorificar em voz alta? Devo ou não falar noutras línguas?

A resposta de Jesus Cristo e a atitude de Esdras convergem nesse ponto: ambos se voltam para as Escrituras.

Esdras decidiu não apenas conhecer a Palavra de Deus, mas também praticá-la e ensiná-la. A consequência? “A boa mão de seu Deus estava sobre ele”.

Procure aproximar-se dessa forma e você colherá os mesmos frutos. Pare de beber de outras fontes, elas continuarão a mantê-lo com sede. A Bíblia tem as respostas que você precisa. 

Caráter Cristão: Neemias Aquele Que Se Importa

Quando ouvi essas coisas, sentei-me e chorei. Passei dias lamentando, jejuando e orando ao Deus dos céus. Então eu disse: Senhor, Deus dos céus, Deus grande e temível, fiel à aliança e misericordioso com os que o amam e obedecem aos seus mandamentos, que os teus ouvidos estejam atentos e os teus olhos estejam abertos para ouvir a oração que o teu servo está fazendo dia e noite diante de ti em favor de teus servos, o povo de Israel. Confesso os pecados que nós, os israelitas, temos cometido contra ti. Sim, eu e o meu povo temos pecado contra ti. (Neemias 1:4-6)

Neemias vivia confortavelmente no palácio e possuía cargo de destaque, era copeiro do rei. Mas ele também vivia como cativo, fora de Jerusalém.

Sempre que um de seus patrícios aparecia ele procurava ter notícias de seu povo e de sua cidade. Certo dia as notícias não foram tão boas: “”Aqueles que sobreviveram ao cativeiro e estão lá na província, passam por grande sofrimento e humilhação. O muro de Jerusalém foi derrubado, e suas portas foram destruídas pelo fogo” (Neemias 1:3).

Neemias caiu em prantos. Passou vários dias chorando, lamentando e jejuando. Mas como só chorar não resolve ele orou ao Senhor e pediu ajuda para reconstruir a cidade.

Ele dedicou cerca de quatro meses a essa tarefa, ao final o rei que jamais viu Neemias com semblante triste perguntou:

“”Por que o seu rosto parece tão triste, se você não está doente? Essa tristeza só, pode ser do coração! ” Com muito medo, eu disse ao rei: “Que o rei viva para sempre! Como não estaria triste o meu rosto, se a cidade em que estão sepultados os meus pais está em ruínas, e as suas portas foram destruídas pelo fogo? ” O rei me disse: “O que você gostaria de pedir? ” Então orei ao Deus dos céus… (Neemias 2:2-4)

Neemias pediu ao rei tudo o que era necessário para a primeira etapa da reconstrução de Jerusalém e porque a boa mão do Senhor Deus estava sobre ele, o seu desejo foi concedido.

Muitas pessoas em tempos de calamidade: lamentam, choram e ficam só nisso. Mas só isso não resolve. Neemias nos dá uma lição de caráter cristão ao se importar com seu povo, com o bem-estar deles em detrimento do seu próprio.

Neemias abandonou seu conforto e segurança ao lado do rei para tentar ser útil e abençoar as pessoas que ele amava.

Caráter Cristão: Jesus Cristo e a Humildade Que Agrada a Deus

Seja a atitude de vocês a mesma de Cristo Jesus, que, embora sendo Deus, não considerou que o ser igual a Deus era algo a que devia apegar-se; mas esvaziou-se a si mesmo, vindo a ser servo, tornando-se semelhante aos homens. E, sendo encontrado em forma humana, humilhou-se a si mesmo e foi obediente até à morte, e morte de cruz! (Filipenses 2:5-8)

Jesus Cristo é com certeza o maior exemplo que temos a seguir. Ele é a nossa bússola suprema no mar revolto da vida. O apóstolo Paulo nos aconselha a buscar que o mesmo sentimento que houve nele haja em nós. Porquê?

“Embora sendo Deus, não considerou que o ser igual a Deus era algo a que devia apegar-se…”

Jesus não permitiu que sua divindade o tornasse distante, ao contrário ele não a considerou. Ele se esvaziou. Ele demonstra isso em pelo menos três momentos:

Que o Espirito Santo desenvolva em nós essa mesma postura. Esse mesmo sentimento de forma que nós sejamos semelhantes a ele.

Conclusão

O caráter cristão é o fruto do trabalho do Espírito Santo em nossas vidas. É o contato com a Palavra de Deus que vai nos moldando e gerando em nós as características de Jesus Cristo (Ver artigo: As Bem-Aventuranças).

Vimos que a Bíblia possui maravilhosos exemplos de caráter de homens e mulheres de Deus e como eles agiram diante das dificuldades.

Eu gostaria de saber o que você acha sobre esse assunto? Qual a sua visão? Tem algo a acrescentar? Deixe seu comentário.

Não esqueça de compartilhar com seus familiares e amigos e INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL.

Sobre o autor | Website

Diego Nascimento é membro da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, estudante de Teologia e Administração. Seu amor por Jesus o inspirou a fundar esse site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

4 Comentários

  1. kelvin disse:

    amei esse site com ele conseguir ver varias verdade com mais clareza esse site e proposito de Deus 😀
    valeu diego

  2. taiane disse:

    MUITO OBRIGADA TEM MIM AJUDADO MUITO
    DEUS continue ti abençoando

  3. Agostinho Gerente Aliciano Pene disse:

    gostei, obrigado

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.