marca_final-01

A Graça de Deus Em 3 VERDADES Preciosas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A graça de Deus é o fator imprescindível da salvação eterna. Não há nada que possamos ser ou fazer, que de alguma maneira, possa substituí-la. Ela é infalível e cheia do amor de Deus.

A graça é mais que suficiente para salvar e restaurar o pecador das garras do pecado. Contudo, precisamos conhecer alguns dos seus aspectos para que possamos extrair o melhor dela em nosso relacionamento com Deus.

1. O Favor Imerecido

Vocês, que procuram ser justificados pela lei, separaram-se de Cristo; caíram da graça. (Gálatas 5:4)

A palavra graça, vem do latim gratia que significa: favor, mercê, estima, benevolência. Sendo assim, ela é a misericórdia de Deus não apenas revelada, mas dada ao ser humano.

O apóstolo Paulo diz que fomos salvos por efeito da manifestação da graça de Deus em Cristo Jesus, e que nós não temos participação nisto. Ou seja, não há obra, ato ou qualquer gesto da nossa parte que nos faça merecer a salvação, ela é uma dádiva (Efésios 2:8,9).

Não há nada, definitivamente que eu e você possamos fazer para merecer a graça de Deus. Ela nos é dada mediante o arrependimento sincero, o reconhecimento da morte de Jesus e sua ressurreição ao terceiro dia como propiciação para os nossos pecados.

Desde a antiguidade é muito comum que o ser humano acredite que pode, de alguma forma, merecer o favor de Deus. Penitências. Sacrifícios. Promessas. Há muitos elementos que são utilizados para tal.

No entanto, eles não são necessários (Gálatas 5:4).

A graça não pode ser conquistada por mérito. Mas está à disposição como favor. Benevolência. Ela é a manifestação do grande amor de Deus por nós.

2. Pela Graça…

Há uma frase de C.S Lewis sobre a graça de Deus que é fantástica: “Um homem com as mãos cheias de pacotes não pode receber um presente”. Assim é!

Embora o ensino de Jesus Cristo a revele, muitos elementos legalistas foram introduzidos no nosso meio (Colossenses 2:16,17, 20-23).

O ensino bíblico não endossa o legalismo (Romanos 11:6). Coisas como: “A mulher só pode vestir isso, aquilo não”, “esse é o dia de servir a Deus, o outro não serve”, “o homem tem que fazer isso, aquilo não”, coisas do tipo “pode não pode”. São doutrinas anti-bíblicas.

O apóstolo Paulo diz: “ninguém os impeça”, “ninguém os domine” e “não permitam! ”. Somos livres em Jesus, não mais escravos da lei.

É obvio que não podemos utilizar a nossa liberdade para dar ocasião a carne. Transformando a graça de Deus em libertinagem. No entanto, não podemos permitir que transformem o favor imerecido de Deus em rudimentos da lei.

3. O Amor e a Graça de Deus 

O apóstolo João resume a vida ao lado do Filho de Deus em uma frase. A impressão mais marcante dessa convivência é “todos recebemos da sua plenitude, graça sobre graça” (João 1:16).

A convivência com Jesus revela amor e favor. Ele é o agente da graça de Deus. Perto dele não sentimos a necessidade de “ser” ou “provar” nada. A presença de Cristo inspira segurança. Suficiência.

Ele não está preocupado se somos sábios ou ignorantes. Ricos ou pobres. Não há nada nesta Terra que o impressione, a não ser um espírito arrependido e um coração voltado para Deus (Salmos 51:17).

O Senhor Jesus não possui necessidade de “ter”, tudo é dele. Portanto, ao aproximar-se dele faça como o apóstolo João. Receba!

João diz que todos receberam! Da sua plenitude e da sua graça. Jesus é fantástico. Ele é com certeza a pessoa mais impressionante que pisou esta Terra.

Quando Nicodemos vai ao seu encontro em busca de respostas (João 3) é isso que ele vê. O amor e a graça se encontram nele de forma mais graciosa que o rio encontra o mar.

Conviva com Jesus. Porque todos os que o fizeram receberam da sua plenitude, como em uma inundação: “graça sobre graça”. Ela é a manifestação do amor de Deus.

Conclusão

A graça de Deus não se manifestou de forma exclusiva. Para um grupo. Mas a toda a humanidade. Está ao alcance de todo aquele que crê (Tito 2:11). É por meio dela que podemos ter a comunhão restaurada com Deus e conhecemos o amor.

Não há absolutamente nada que possamos fazer para ser remidos, a não ser pedir perdão a Deus confessando Jesus como Senhor e Salvador de nossas vidas. A graça é o maior presente que poderíamos receber do Criador. Definitivamente, nada se compara a ela.

Portanto, desfrute-a. Decida viver dias mais leves e tranquilos, amparados pelo favor de Deus.

E você o que acha? Deixe o seu comentário, gostaria de conhecer a sua opinião. Além disso, não esqueça de compartilhar com seus amigos e parentes.

41 COMENTÁRIOS

  1. aprendi muito com seus ensinamentos e sobre o que e graça, saber que DEUS manisfestou a plenitude de sua graça ao homem, e que ela esta em Cristo Jesus, quem quer a GRAÇA receba a CRISTO JESUS, e seja cheio de GRAÇA.

  2. a Graça de Deus e grandiosa porem facil de ser compreendida e eu acho que e por isso que muitos a iguinora…pois acham que por ser tao magnifica tambem precisa se complexa..
    que DEus o abencoe

  3. Graça significa bondade e favor de Deus nas nossas vidas. Agora graça é imerecido não estar na Bíblia essa expressão, claro que o homem sem a graça de Deus ele não conseguem o perdão de seus pecados.

  4. Pois é, no atual modelo de evangelho gosoel quase tudo se converge em promessas, levando os “cristãos”de volta pras práticas de barganhars quais sejam: campanhas intermináveis, votos financeiros, comparecer ao templo foto dia e por ai… . Isso leva o homem de volta aos preceitos, e o torna um simples legalista guiado por líderes hereges. Esses são verdadeiros analfabetos do evangelho. Tudo ficaria mais simples se os cristãos fossem ensinados a ler a bíblia de forma literal; exemplo: pela graça sois salvos. De graça não precisamos pagar. Espero ter contribuído com minha simples exposição. Sou um combatente da heresia da prosperidade,

  5. E verdade ! Somos livres em Cristo Jesus! Precisamos so aceitar esta graça, receber esta dadiva e viver feliz nas nossas famílias , sociedade e nossas congregações. Se feliz e faça alguém feliz.

  6. Só tem uma coisa que tá embaralhando a minha cabeça e gostaria de um explicação mais convincente . Se a palavra Graça é de origem latina e significa favor , teoricamente isso significa que, quando Deus manifestou a sua graça aos homens, concedendo-lhes a salvação através da morte vincaria de seu único filho , ele estava então fazendo um favor para a humanidade?

    Eu gostaria de entender melhor sobre isso , porque desde tenra idade eu ouço falar que Jesus morreu em nosso lugar por amor e não pra fazer um favor pra nós .

    • A “graça” de Deus significa “favor imerecido”.
      O conceito de favor é que alguém queira fazer algo por alguém, ou seja, não se pode ganhar o favor como um direito a receber o favor. Da mesma forma, não temos direito de ganhar o favor de Deus para sermos salvos, a única maneira de ser declarado justo diante de Deus é que Deus nos dê a salvação pela graça livre e totalmente à parte de nossas obras.
      Paulo explica: “Porque pela graça sois salvos mediante a fé e isto não vem de vós, é dom de Deus, não pelas obras, que ninguém se glorie” (Ef 2:8-9, cf. Tit 3:7).
      Graça está claramente em contraste com as obras ou méritos, com relação à razão de Deus estar disposto a justificar o homem. Deus não tinha obrigação de atribuir nossos pecados a Cristo ou de atribuir a nós a justiça de Cristo, foi apenas pela sua graça imerecida que Ele fez isso, dando-nos o melhor presente por meio da fé em Cristo, a vida eterna.

  7. Muito bom o estudo! Gostei mesmo, que o Senhor continue derramando graça sobre sua vida e continue o usando como canal de benção. Deus o abençoe!

  8. Paz do Senhor Irmão! Muito bom o estudo amado… foi muito aproveitoso para me, que Deus continue te abençoando ricamente tua vida e toda tua familia.

  9. tirei muito proveito do seu estudo.porem faltou ser abordado algo,tipo texto do antigo testamento e o legalismo especifico que paulo aborda em colocensses 2;16 e em efesio 2;15. que sendo mostrado ,veremos que nao tem nada a ver com a lei de Deus.e a falta de texto do antigo testamento.mostra que a graca passou so a existir no novo testamento,sendo que a graca existe antes da fundacao do mundo ,mais se tornou visivel no calvario.eu sei que vc tem esses textos,parabens pelo estudo,muito proveitoso

  10. Precisamos a cada dia crescer na graça e conhecimento para que possamos vencer nos dias maus. Deus continue te abençoando Irmão Diego.

  11. Estudo maravilhoso da graca de Deus é ma pena q existe muitas igrejas ainda q vivan na antiga alianca ainda colocando jugo pesado no fieis Deus abencoe pr

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jesus e a Bíblia © 2020. Todos os direitos reservados.

});