marca_final-01

O Profeta Isaías e as Marcas de Um Chamado

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

O Profeta Isaías é um dos meus preferidos. A experiência que ele tem com Deus é realmente algo muito inspirador e transborda para todas os resultados de sua vida.

Isaías é o maior profeta messiânico do Antigo Testamento, cerca de 600 anos antes do nascimento de Jesus, Ele dá descrições exatas sobre o nascimento, ministério, sofrimento, morte e triunfo do Messias.

Tanto para o exercício da fé quanto para o exercício da vocação, ele é com certeza alguém a ser seguido.

Neste estudo, quero conversar com você sobre algumas caracteríticas desse profeta. Para isso, peço que você leia as referências bíblicas e assista ao vídeo até o final, ok?

Então “VEM!”

4 VERDADES Sobre o Profeta Isaías

1. Isaías profetiza aos rebeldes

O boi reconhece o seu dono, e o jumento conhece a manjedoura do seu proprietário, mas Israel nada sabe, o meu povo nada compreende”.

Ah, nação pecadora, povo carregado de iniqüidade! Raça de malfeitores, filhos dados à corrupção! Abandonaram o Senhor; desprezaram o Santo de Israel e o rejeitaram. (Isaías 1:3,4)

O profeta Isaías foi chamado por Deus para iniciar um período de convocação ao arrependimento para os judeus, logo, sua mensagem fazia denúncia grave contra os pecados e dureza do povo.

Além disso, não havia reodeios. O profeta ia direto ao ponto, fazendo com que seu público soubesse extamente sobre o que se tratava.

2. Profunda experiência com Deus

No ano em que o rei Uzias morreu, eu vi o Senhor assentado num trono alto e exaltado, e a aba de sua veste enchia o templo. Acima dele estavam serafins; cada um deles tinha seis asas: com duas cobriam o rosto, com duas cobriam os pés, e com duas voavam.

E proclamavam uns aos outros: “Santo, santo, santo é o Senhor dos Exércitos, a terra inteira está cheia da sua glória”. Ao som das suas vozes os batentes das portas tremeram, e o templo ficou cheio de fumaça. (Isaías 6:1-4)

Um ministério vigoroso e frutífero passa diretamente por uma profunda experiência com Deus. Pois é nela que somos convencidos de quem somos e de quem Deus é.

Somente quando temos clareza sobre esses dois aspectos é que mergulhamos fundo em nosso relacionamento com o Senhor.

Quando achamos que somos alguma coisa, nossa justiça própria nos impede de ir além na comunhão, mas quando somos dependentes, somos um canal livre para a glória de Deus.

3. Descrição do sofrimento de Jesus

7 Ele foi oprimido e afligido, contudo não abriu a sua boca; como um cordeiro foi levado para o matadouro, e como uma ovelha que diante de seus tosquiadores fica calada, ele não abriu a sua boca.

11 Depois do sofrimento de sua alma, ele verá a luz e ficará satisfeito; pelo seu conhecimento meu servo justo justificará a muitos, e levará a iniquidade deles. (Isaías 53:7,11)

O ministério do Profeta Isaías foi impactante, sobre tudo do ponto de vista messiânico. Ninguém é tão datalhista quanto ele, no que se refere ao ministério de Jesus Cristo.

Sua descrição do sofrimento de Jesus é impressionante, pois trás consigo a sequência dos fatos tal como aconteceu.

Que Deus nos dê essa sensibilidade e submissão para servi-lo!

4. O poder da Palavra de Deus 

Assim como a chuva e a neve descem dos céus e não voltam para ele sem regarem a terra e fazerem-na brotar e florescer, para ela produzir semente para o semeador e pão para o que come, assim também ocorre com a palavra que sai da minha boca: Ela não voltará para mim vazia, mas fará o que desejo e atingirá o propósito para o qual a enviei. (Isaías 55:10,11)

O poder de Deus se manifesta profundamente através de Sua Palavra, porque ela é viva e eficaz. No caso de Isaías, ele a descreve como a chuva que rega a Terra, preparando-a a semeadura ou fazendo crescer a semente.

A Palavra de Deus ministrada sobre a nossa vida ou através dela, tem o poder de promover transformação, restauração e conversão.

Que sejamos canais de transmissão da Palavra, pois ela tem o poder de mudar vidas e contextos.

Conclusão

O profeta Isaías nos inspira a seguir a vocação e a buscar uma experiência profunda com Deus, pois os resultados desse encontro podem alterar completamente os resultados da nossa vida.

A mensagem desse profeta é com certeza uma das mais profundas do Antigo Testamento. Sendo confrontadora, inspiradora e profética, dentre tantas coisas.

Leia Também:

O Profeta Elias – Poder e Humanidade

O Profeta Ezequiel – Como ouvir a Deus?

Profeta Samuel – Líder de um novo tempo

Que o Senhor nos ajude a servi-Lo. Que sejamos inundados por Seu amor e graça. Que nada, nem ninguém nos impeça de alcança-Lo e amá-lo, em Nome de Jesus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jesus e a Bíblia © 2020. Todos os direitos reservados.

});