A concupiscência é algo inerente a natureza humana. Só há uma mudança de mentalidade nessa área, quando entregamos nossa vida a Jesus e Ele passa a ser nosso Senhor.

Para uma boa compreensão do tema, é importante conhecermos o significado da palavra: Um desejo desordenado no qual os fins ou propósitos temporais ocupam o lugar dos eternos, e no qual as faculdades inferiores — em particular os sentidos e seus apetites — não estão sob o devido controle da razão.  (Breve Dicionário de Teologia (1a edição, p. 69–70)

Dito isto, recomendo que assista também ao vídeo, porque o entendimento do assunto passa diretamente pelas informações apresentadas nele, ok?

Então, aperte os cintos e “VEM!”

Concupiscência na Bíblia

A Bíblia nos apresenta vários aspectos da concupiscência e porquê devemos nos manter longe dela e evitar alimentá-la através de nossas atitudes.

Abaixo, segue a lista com motivos pelos quais devemos nos manter longe de sua influência, e seguir a direção do Espírito Santo em santificação e honra:

1. Não procede de Deus – 1 João 2:16

Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo. (1 João 2:16)

2. É despertada pelo pecado – Romanos 7:8

Mas o pecado, tomando ocasião pelo mandamento, operou em mim toda a concupiscência; porquanto sem a lei estava morto o pecado. (Romanos 7:8)

3. Os que a praticam perecerão – 1 João 2:17

E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre. (1 João 2:17)

4. Quem anda no Espírito não a pratica – Gálatas 5:16

Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne. (Gálatas 5:16)

5. Devemos fazer morrer – Colossenses 3:5,6

Mortificai, pois, os vossos membros, que estão sobre a terra: a fornicação, a impureza, o afeição desordenada, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria; Pelas quais coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência… (Colossenses 3:5,6)

Conclusão

A concupiscência é uma obra da carne e herança do pecado de Adão e Eva no Éden. É nossa responsabilidade fazê-la morrer, e não nos entregar as suas paixões.

Depois de tudo o que vimos sobre o tema, precisamos revisar nossos hábitos, e observar se eles fortalecem ou enfraquecem o amor às obras da carne em nossas vidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here